Navegantes declara situação de emergência pela água salgada

Município importa água do Semasa, de Itajaí, que tem apresentado altos níveis de salinidade

O município de Navegantes declarou Situação de Emergência no Sistema de Abastecimento de Água na cidade, devido aos altos níveis de salinidade da água fornecida pelo Semasa (Serviço Municipal de Água, Saneamento Básico e Infraestrutura) de Itajaí, que fornece água para as duas cidades.

Navegantes declara situação de emergência pela água salgada. – Foto: Divulgação/Prefeitura de Navegantes

Na última segunda-feira (19), a SESAN (Secretaria de Saneamento Básico de Navegantes) notificou o Semasa e pediu esclarecimentos sobre a normalidade do serviço e que os dias em que a água fornecida estava imprópria fossem descontados.

No último dia 13 de outubro, o Semasa identificou danos na barragem do Rio Itajaí-Mirim, ocasionando a elevação dos índices de salinidade na água que abastece os municípios de Itajaí e Navegantes.

O Decreto nº 237/2020, de Navegantes, tem por objetivo a execução das ações e medidas necessárias para mitigar os danos ocasionados ao sistema de abastecimento de água potável do Município de Navegantes e aos consumidores em geral. O decreto não detalha quais medidas serão tomadas. 

O gestor da SESAN, Arlindo Nunes Barboza, explica que ARIS (Agência Reguladora Intermunicipal de Saneamento) também foi notificada, assim como o Semasa e a Procuradoria Municipal,  para que as providências legais pudessem ser tomadas, “buscando os caminhos, dentro da lei, para que a SESAN possa repassar aos consumidores, o mesmo desconto que a Semasa proporcionar para Navegantes, bem como, as mesmas medidas adotadas pelo município vizinho”.

Segundo o Semasa, a notificação foi recebida e deve ser feito um cálculo sobre o consumo da cidade, e a Câmara de Vereadores deve aprovar o valor. 

+

Infraestrutura