Planejamento Hídrico: Governo e CASAN anunciam R$ 13 milhões para municípios do Meio Oeste

Ampliação da capacidade de produção de água, compra de reservatórios e a perfuração de novos poços estão entre os investimentos

Estão previstos R$ 1,7 bilhão em investimento na infraestrutura de abastecimento a fim de preparar o Estado para o futuro – Foto: DivulgaçãoEstão previstos R$ 1,7 bilhão em investimento na infraestrutura de abastecimento a fim de preparar o Estado para o futuro – Foto: Divulgação

A CASAN está ampliando a capacidade dos Sistemas de Abastecimento de Água no Estado com o objetivo de preparar Santa Catarina para situações de escassez hídrica e para o crescimento populacional das próximas décadas. Mais de R$ 13 milhões serão investidos na compra de novos reservatórios, na perfuração de poços e melhorias no sistema para municípios do Alto Vale do Rio do Peixe e do Meio Oeste.

Um investimento de cerca de R$ 10 milhões para a compra de nove novos reservatórios para água tratada está entre as ações. A licitação, que já foi lançada, vai ampliar a capacidade de reserva de água em 1,6 milhões de litros beneficiando o município de Salto Veloso com dois reservatórios. Já Catanduvas, Erval Velho, Matos Costa, Rio das Antas, Santa Cecília, Timbó Grande e Treze Tílias terão um novo reservatório cada.

Dando continuidade ao processo de ampliação do sistema de abastecimento de água, será feito investimento na perfuração de novos poços profundos na região. A licitação será lançada para o atendimento a seis municípios com 10 novos poços, com um investimento de R$ 1,1 milhão. Para os municípios de Rio das Antas e Treze Tílias estão previstos três novos poços em cada cidade. Já em Catanduvas, Ibicaré, Matos Costa e Presidente Castello Branco serão perfurados um poço em cada.

“São investimentos importantes nos sistemas de abastecimento de água. Em conjunto com o Governo do Estado estamos aplicando recursos que garantirão água em situações de escassez hídrica e que também preparam os municípios para o crescimento da população”, afirma a presidente da CASAN, Roberta Maas dos Anjos.

Serão perfurados 10 novos poços que beneficiarão 6 municípios ampliando o sistema de abastecimento na região – Foto: DivulgaçãoSerão perfurados 10 novos poços que beneficiarão 6 municípios ampliando o sistema de abastecimento na região – Foto: Divulgação

Para Calmon, foi feito o lançamento de licitação para a melhoria e substituição de aproximadamente 90% da rede de distribuição de água no município, totalizando 25.000 metros de extensão e com diâmetros de 50 a 100 mm (milímetros). O investimento total é estimado em R$ 500 mil.

Outra obra anunciada foi a implantação do sistema de desaguamento mecanizado para o lodo gerado na Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) de Catanduvas, com investimento estimado em R$ 1,5 milhão.

Esse conjunto de ações faz parte do Planejamento Hídrico para Santa Catarina, com obras para ampliação da capacidade de produção de água, projetos para melhoria, modernização e implantação de novas Estações de Tratamento de Água. Estão previstos R$ 1,7 bilhão em investimento na infraestrutura de abastecimento para preparar o estado para as próximas décadas.

+

Casan, Sustentabilidade e Saneamento

Loading...