Quais são os quatro municípios do Norte de SC contemplados em novo programa de moradia

Programa SC Mais Moradia vai começar o atendimento por 61 cidades com menor IDH no Estado

O governo de Santa Catarina lançou, na terça-feira (19), o programa SC Mais Moradia, que tem o objetivo de reduzir o déficit habitacional, a partir da construção de casas para pessoas que vivem em situação de extrema pobreza no Estado.

O programa vai começar pelo atendimento a 61 municípios que registram menor IDH (Índice de Desenvolvimento Humano). E entre eles, quatro ficam na região Norte de Santa Catarina: Bela Vista do Toldo, Irineópolis, Major Vieira e Monte Castelo.

SC Mais Moradia foi lançado nesta semana – Foto: Ricardo Wolffenbuttel/Secom/Divulgação/NDSC Mais Moradia foi lançado nesta semana – Foto: Ricardo Wolffenbuttel/Secom/Divulgação/ND

Segundo o governo estadual, o SC Mais Moradia será colocado em prática por meio de parcerias com as prefeituras: os municípios doam terrenos e executam as obras, enquanto o Estado custeia inteiramente as casas, a um preço de até R$ 70 mil por unidade.

O programa habitacional deve iniciar ainda neste ano, com a construção de cerca de mil residências de tamanho entre 45 e 50 m², com dois quartos, sala cozinha e banheiro. Cerca de R$ 30 milhões estão disponíveis para a iniciativa em 2021.

As casas serão cedidas às famílias por um período inicial de dez anos em comodato, tipo de empréstimo gratuito, em que o bem deve ser devolvido nas mesmas condições ao fim do prazo. Os imóveis serão cedidos a mulheres como forma de oferecer segurança a elas em casos de violência doméstica.

O objetivo do governo é que o programa possibilite a construção de 8 mil casas até 2026, atendendo todas as famílias que vivem em maior vulnerabilidade social atualmente.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Infraestrutura

Loading...