Lula e STF estariam planejando matar Bolsonaro? Leda Nagle pede desculpas por Fake News

Jornalista se envolveu em polêmica ao ler notícia falsa sobre suposto plano do ex-presidente com o STF. Leda se desculpou nas redes sociais

A jornalista Leda Nagle, de 70 anos, se envolveu em uma polêmica ao divulgar uma Fake News durante uma transmissão ao vivo, para um grupo privado no último sábado (17).

A notícia falsa lida pela jornalista, indicava um suposto plano do ex-presidente Lula e do STF (Supremo Tribunal Federal) para matar o presidente Jair Bolsonaro.

Nesta segunda-feira (19), a jornalista pediu desculpas pelo equívoco. A transmissão foi feita em um grupo privado na qual a jornalista leu uma mensagem atribuída ao diretor geral da Polícia Federal, Paulo Maiurino, que indicava a existência desse plano.

Leda se baseou em um perfil que não pertence ao delegado, sendo assim uma conta falsa, já denunciada pela Polícia Federal.

+

Internet