Mensagem de Deus e recado aos médicos: leia carta de pastor que prometeu ressuscitar

Huber Carlos morreu devido a complicações cardiorrespiratórias em um hospital de Itumbiara (GO), na sexta-feira (23); corpo foi mantido em funerária até prazo estipulado em documento

O pastor evangélico Huber Carlos Rodrigues foi enterrado nesta segunda-feira (25), em Goiatuba, no Estado de Goiás, aos gritos de pessoas pedindo para que o caixão fosse aberto. Isso porque, segundo uma carta deixada pelo religioso, ele afirmou que ressuscitaria no terceiro dia após a morte – prazo que foi respeitado pela esposa. Confira o documento!

Pastor que deixou carta sobre ressuscitação foi enterrado nesta segunda (25) – Foto: Internet/Divulgação/NDPastor que deixou carta sobre ressuscitação foi enterrado nesta segunda (25) – Foto: Internet/Divulgação/ND

Huber Carlos morreu devido a complicações cardiorrespiratórias em um hospital de Itumbiara, próximo a Goiatuba, na sexta-feira (23).

Conforme um pedido da viúva, os restos mortais do pastor foram mantidos em uma sala refrigerada até o fim do prazo estipulado em documento, às 23h30 do terceiro dia de sua morte. Porém, ao verificar que o homem continuava sem sinais vitais após o período, o corpo foi liberado para o enterro.

Durante o sepultamento, houve tumulto e concentração de inúmeras pessoas. O pastor foi enterrado ao coro de religiosos pedindo para que a tampa do caixão fosse aberta.

Veja vídeo

A carta

Em um documento deixado pelo homem, assinado em 2008, o pastor diz ter tido uma revelação do Espírito Santo. Ele afirmava que ressuscitaria três dias após sua morte, às 23h30.

“Conforme me foi revelado, eu terei atendimento médico no qual será constatada minha morte”, escreveu o religioso.

A carta também continha orientações para os médicos e responsáveis pelo manuseio do corpo. “Extremamente proibido aos médicos ou qualquer outra pessoa tocar no meu cérebro ou corpo físico, ou seja, não poderá ser ser tocado nos órgãos internos ou externos”, acrescentou Huber na carta.

“Minha integridade física tem que ser totalmente preservada, pois ficarei por três dias morto, sendo que no terceiro dia, eu ressuscitarei. Meu corpo durante os três dias não terá mau cheiro e nem se decomporá, pois o próprio Deus terá preparado minha carne e meu cérebro para passar por essa experiência”, dizia o texto.

Ainda segundo o pastor, por meio de sua ressurreição, as pessoas passariam a “ouvir a mensagem de Deus, e crer nela”.

Confira a carta completa

Pastor deixou carta com orientações após sua morte – Foto: Internet/Divulgação/NDPastor deixou carta com orientações após sua morte – Foto: Internet/Divulgação/ND

*Com informações do portal Diário do Noroeste.

+

Internet

Loading...