‘Não sei o que fazer’: Maioria dos ganhadores da rifa da Fazendinha é de SC; confira

Dos 15 sortudos que ganharam prêmios da rifa 'A Fazendinha' de escola de Nova Veneza, 11 são de SC, dois do RS, um do PR e um de SP; muitos ainda não sabem o que fazer com os porcos e galinhas; veja

Os prêmios da rifa ‘ A Fazendinha’ da Escola Bairro Bortolotto em Nova Veneza foram sorteados para 11 cidades de quatro estados do Brasil. A maioria dos prêmios ficou em Santa Catarina. Dos 15 prêmios, além de SC, dois foram para o Rio Grande do Sul, um para o Paraná e um para São Paulo.

A rifa da escola do Sul catarinense viralizou na internet após os prêmios serem lidos em uma sessão da Câmara de Vereadores. Com isso, a rifa ganhou o Brasil e o mundo com compradores de todos os lugares.

Foram vendidos 48 mil bilhetes e arrecadados quase R$100 mil. O sorteio dos 15 prêmios foi realizado nesta segunda-feira (20). Já nesta terça-feira (21) a direção e profissionais da Escola da Fazendinha iniciaram os contatos com os ganhadores.

Prêmios foram sorteados em live realizada na manhã desta segunda-feira (20) no ginásio da Escola Bairro Bortolotto em Nova Veneza – Foto: Lucas Sabino/Prefeitura Nova VenezaPrêmios foram sorteados em live realizada na manhã desta segunda-feira (20) no ginásio da Escola Bairro Bortolotto em Nova Veneza – Foto: Lucas Sabino/Prefeitura Nova Veneza

Como resgatar os prêmios?

Após ganharem o sorteio, a pergunta recorrente é como resgatar os prêmios. Já que uma grande parte são animais como galinhas e porcos. É o caso da professora, Débora Cristina Grivot moradora de Porto Alegre (RS).

Ela ganhou um porco no sorteio e ainda não sabe como irá fazer. Já que não tem onde manter o animal.

“Como educadora, eu me sensibilizei com toda a história e achei muito divertida toda a forma que a rifa foi divulgada e tratada. Comprei R$ 50 reais para contribuir e nem imaginava que iria ganhar. E muito menos que iria ganhar um porco, não temos como manter o animal aqui”, brinca a porto-alegrense.

Nestes casos, a Escola da Fazendinha busca uma forma diferente de entregar o prêmio.

“Para aqueles que não vamos conseguir entregar os animais, por questões de logística, vamos propor outras alternativas para a pessoa receber o prêmio. Nosso objetivo é que todos que ganharam recebam, de alguma forma, a premiação”, afirma a diretora, Jussara Sávio.

Galo e Galinha vão de SC direto para sítio no Paraná

Já Henrique Marsaro Tomé, morador de Serranópolis do Iguaçu (PR) no Paraná, já tem o local exato em que irá colocar a galinha e o galo que ganhou na rifa.

“Eu moro em um sítio, tenho bastante animais e sou estudante de agronomia, por isso vou presentear os meus amigos”, conta o ganhador.

O sortudo ficou com o 12º prêmio que contempla um galo, uma galinha, um salame e um torresmo.

“Eu fiquei sabendo da rifa através de uma página de humor, no instagram. Como tenho amigos em Nova Veneza, resolvi comprar os bilhetes para ajudar a escola. Nunca havia ganhado em nenhum sorteio”, revela.

‘Ainda não sei o que fazer com o porco’, afirma ganhadora

O primeiro nome a ser sorteado foi o de Margarete Mendes. Ela ainda não sabe o que irá fazer com o porco que ganhou na rifa.

“Ainda está um dilema, uns querem comer outros falam que tem que cuidar, ir para a engorda. Vamos ver ainda”, fala ela.

Prêmios da rifa ‘A Fazendinha’ são provenientes da agricultura familiar de Nova Veneza – Foto: Lucas Sabino/Prefeitura Nova VenezaPrêmios da rifa ‘A Fazendinha’ são provenientes da agricultura familiar de Nova Veneza – Foto: Lucas Sabino/Prefeitura Nova Veneza

Ela mora no bairro Quarta Linha, em Criciúma, também, no Sul catarinense. Margarete comprou a rifa antes de ela ficar conhecida, através de uma amiga com o objetivo de auxiliar a escola.

“Minha amiga mandou o link do sorteio e quando abri já ouvi meu nome primeiro. Foi muito legal”, conta ela.

Entrega dos prêmios com responsabilidade

De acordo com a diretora da escola, todo o processo da rifa foi realizado com responsabilidade pela Escola e a entrega da premiação também será feita da mesma forma.

“Desde o início da grande repercussão que a rifa ganhou, estamos sendo orientados pelos técnicos da vigilância sanitária do município e da Cidasc. Vamos seguir todos os protocolos exigidos por estes órgãos”, explica Jussara.

A rifa tinha o objetivo inicial de arrecadar cerca de R$ 30 mil para a festa de Dia das Crianças dos 403 alunos que frequentam a escola. Porém essa arrecadação chegou próximo dos R$100 mil, após a rifa viralizar na internet.

O restante do valor será utilizado ao longo do ano em atividades pedagógicas para os alunos do 1º ao 9º ano atendidos na escola.

Veja as cidades que saíram os prêmios:

1. Criciúma (SC)
2. Porto Alegre (RS)
3. Joinville (SC)
4. Campinas (SP) (Escola não conseguiu contato com o ganhador)
5. Araranguá (SC)
6. Ituporanga (SC)
7. Nova Veneza (SC)
8. Forquilhinha (SC)
9. Serranópolis do Iguaçu (PR)
10. Canoas (RS)
11. Florianópolis (SC)

+

Internet

Loading...