‘Tá perigoso’: pouco antes de morrer, Jesse fez vídeo e citou medos e problemas no fusca

Perfis da dupla "Shurastey or Shuraigow" na internet estão ativos e com números crescentes de seguidores; Jesse deixou vídeos agendados e um deles saiu nesta quinta-feira (26)

Desde a tarde da última terça-feira (24), quando veio à tona a notícia do acidente e morte trágicos do catarinense Jesse Koz, 29 anos, e do cachorro dele Shurastey, a internet foi inundada com notícias sobre as aventuras dos dois pelas américas no dodongo, como era chamado carinhosamente o fusca.

A crescente de seguidores nas redes sociais do youtuber chamou a atenção de familiares e amigos, nesta quarta-feira (25), o perfil no Instagram da dupla “Shurastey or Shuraigow” bateu 1 milhão de seguidores. Felipe Pires, melhor amigo de Jesse em Santa Catarina, comentou esse aumento dos números.

Jesse e Shurastey enfrentaram tempestade nos EUA e catarinense comentou medo – Foto: Reprodução/InternetJesse e Shurastey enfrentaram tempestade nos EUA e catarinense comentou medo – Foto: Reprodução/Internet

“Se eu conheço o Jesse ele deve estar p*uto da vida! ‘Vocês esperam eu morrer pra me seguir?’. Amigo, batemos um milhão, você conseguiu cara”, escreveu Felipe.

O canal no Youtube de Jesse, que também leva o nome “Shurastey or Shuraigow”, tem atraído novos seguidores e está ativo com vídeos que Jesse deixou agendado. Um deles foi ao ar nesta quinta-feira (26), no qual Jesse comenta medo e perigos da estrada.

Página de Jesse e Shurastey no Instagram bate 1 milhão de seguidores após morte de catarinense – Foto: Reprodução/InternetPágina de Jesse e Shurastey no Instagram bate 1 milhão de seguidores após morte de catarinense – Foto: Reprodução/Internet

Na famosa rota 66, Jesse e Shurastey enfrentaram uma chuva forte na estrada que assustou o catarinense. “Vou procurar um lugar para parar, tá preocupante o negócio, tá muito forte”, comentou.

Após a chuva, Jesse compartilhou problemas no fusca. “Vencemos a chuva e acho que deu um problema no rolamento da roda aqui de novo, só que agora do lado direito”, explicou Jesse mostrando aos seguidores os problemas que o dodongo apresentou.

O catarinense também compartilhou os desafios da estrada, parado em um local com poucos recursos para resolver os problemas do veículo. Jesse também comentou o objetivo da dupla, que era chegar à Califórnia.

Jesse teria outros vídeos programados, mas não há a quantidade exata de quantos vídeos exatamente o catarinense deixou programado no Youtube. Nos mais de 4 mil comentários, muitas pessoas declararam carinho, saudades e a tristeza pela partida precoce de Jesse Shurastey.

“Ou se morre como herói, ou vive-se o bastante para se tornar vilão”

A frase na biografia do Instagram de Jesse, “ou se morre como herói, ou vive-se o bastante para se tornar vilão”, foi atualizada há poucos meses, para os amigos, a afirmação emblemática veio como uma lição dura de ser encarada.

Frase impactante no Instagram de Jesse foi colocada há poucos meses – Foto: Reprodução/InternetFrase impactante no Instagram de Jesse foi colocada há poucos meses – Foto: Reprodução/Internet

“Essa é uma frase do filme do Batman, eu olho pra essa frase e penso ‘que desgraçado que deixou isso aí’, porque ele alterou essa frase faz pouco tempo, algumas pessoas olham pra essa frase e pensam que ele de alguma forma já sabia que a trajetória estava chegando ao fim”, completa Felipe.

Trágico acidente

Segundo um portal local, Jesse seguia sentido Norte na rodovia US 199, próximo à cidade de Selma, Oregon, nos Estados Unidos, quando desviou de outro carro que havia diminuído a velocidade.

Ao voltar para a pista, o Fusca teria perdido o controle e colidido de frente com um Ford/Escape que vinha no sentido oposto. Eileen Huss, de 62 anos, que dirigia o carro, sofreu ferimentos e foi levada ao hospital local. Jesse morreu no local.

+

Internet

Loading...