Tatá Werneck revela vida sem Paulo Gustavo: ‘é diferente’

Morte do ator e humorista completa 3 meses nesta quarta-feira (4); Paulo Gustavo foi vítima da Covid-19

A morte do ator e humorista Paulo Gustavo completou 3 meses nesta quarta-feira (4) e a atriz Tatá Werneck lamentou a ausência do amigo. Tatá se mobilizou inúmeras vezes em suas redes sociais pedindo orações enquanto Paulo Gustavo lutava contra a Covid-19 e após a morte do humorista chegou a se afastar das redes sociais.

Tatá Werneck era muito amiga de Paulo Gustavo. Foto: Reprodução/InternetTatá Werneck era muito amiga de Paulo Gustavo. Foto: Reprodução/Internet

Paulo morreu no dia 4 de maio, aos 42 anos, em decorrência das complicações da doença. Em homenagem ao amigo, Tatá compartilhou um vídeo em que eles aparecem cantando e dançando com a cantora Ivete Sangalo.

O momento foi relembrado com a mensagem: “A gente fica se ligando e perguntando “vc tá conseguindo ficar bem?” e a gente percebeu que sem você existe um “teto” de felicidade… Paulo a vida sem você é diferente”, escreveu.

Viúvo de Paulo Gustavo fala sobre vacinação

Em julho o marido do ator Paulo Gustavo, Thales Bretas, compartilhou um registro de sua própria vacinação, que aconteceu em abril. Mesmo com o ator internado, Bretas afirmou que, na época, tinha esperança que ele recebesse o imunizante quando saísse da internação.

“Não postei na época porque ainda não estava acessível à toda a população e não queria fazer a ‘ostentação da vacina’. Porque me senti um privilegiado, mesmo tendo direito e sendo um médico de atendimento ambulatorial, com contato diário com doentes”, escreveu.

Thales recebeu o imunizante em abril, como profissional da saúde. Na mesma época, Paulo Gustavo já estava internado com Covid-19. O dermatologista afirmou que ainda tinha esperança que o ator se vacinasse.

+

Internet

Loading...