VÍDEO: Vereador é barrado ao tentar visitar Cristo Redentor sem comprovante de vacina

Atração turística do Rio de Janeiro existe o comprovante de vacinação para poder acessar o local; parlamentar utilizou as redes sociais para reclamar da situação

O vereador de Belo Horizonte, Nikolas Ferreira de Oliveira (PRTB), de 25 anos foi barrado no Cristo Redentor, no Rio de Janeiro (RJ), na manhã deste sábado (25).

Nikolas foi impedido de entrar na atração turística mais famosa da cidade por não apresentar o comprovante de vacinação contra a Covid-19. Em vídeos nas suas redes sociais, o parlamentar reclamou da medida.

Nikolas Ferreira reclama sobre medida que obriga “passaporte de vacinação” no Rio de Janeiro – Vídeo: Internet/Reprodução/ND

Momentos antes, o parlamentar fez questão de falar para seus seguidores que a medida é “mais um instrumento de controle”, e referenciou o ditador alemão Adolf Hitler, ao fazer com as mãos um bigodinho que lembra o nazista.

Momento em que Nikolas referencia Adolf Hitler em sua fala – Vídeo: Internet/Reprodução/ND

Desde o dia 15 de setembro, a Prefeitura do Rio de Janeiro exige a vacinação para espaços de uso coletivo na cidade, a fim de controlar a propagação do vírus.

A situação não impediu que, em suas redes sociais, o vereador “fosse” ao monumento. “Baile funk, metrô e ônibus não precisa de passaporte da vacina, mas no Cristo sim. Então, eu fui…”, diz.

Nos stories, apesar de dizer que não estava fazendo “discurso antivacina”, Nikolas afirmou que não se vacinou por uma “opção pessoal”, chamando as vacinas de “experimentais”. Vale lembrar que todas as vacinas utilizadas contra covid-19 no Brasil receberam a autorização da Anvisa e de outras agências reguladora no mundo.

+

Internet

Loading...