Brasil começa os Jogos Olímpicos da Juventude com esperança na natação

Delegação verde e amarela compete em 11 modalidades no primeiro dia do evento, neste domingo, em Buenos Aires. Ciclismo BMX, judô e triatlo já terão disputas por medalha

Natação é uma das 11 modalidades do Brasil no primeiro dia de competições (Foto: Jonne Roriz/Exemplus/COB)
Natação é uma das 11 modalidades do Brasil no primeiro dia de competições (Foto: Jonne Roriz/Exemplus/COB)

Os Jogos Olímpicos da Juventude, em Buenos Aires (ARG), começam para a delegação brasileira neste domingo, com a disputa de 11 modalidades: badminton, ciclismo BMX Racing, ginástica artística, judô, natação, remo, tênis, tênis de mesa, triatlo, vela e vôlei de praia. O Time Brasil, que viajou com 79 atletas em 24 modalidades, tem grandes esperanças nas piscinas.

Um dos principais destaques da equipe de natação é André Calvelo, que chega à capital argentina entre os melhores tempos nos 100m. Outros nomes de peso são Rafaela Raurich, que conquistou três ouros e uma prata nos Jogos Sul-Americanos, em Cochabamba (BOL), em junho, e Murilo Sartori, dono de índices melhores do que os de Michael Phelps nos 200m livre quando o americano tinha 16 anos, a mesma idade da jovem promessa.

– Sempre sonhei em representar meu país e nada melhor do que uma edição de Jogos Olímpicos da Juventude para que isso aconteça. Espero baixar meus tempos e fazer um belo papel – disse Calvelo, que nas horas vagas produz vídeos para um canal no Youtube contando a rotina de atleta.

As primeiras medalhas em disputa acontecem na parte da manhã, no triatlo feminino, com Giovanna Lacerda, e no ciclismo BMX Racing, com a presença de Maitê Barreto e Vitor Marotta.

– Minha meta para esse ano é essa competição. Estou muito preparada, treinei muito para estar aqui. Não vejo a hora de poder andar na pista, curtir o rolê e poder sair daqui com uma medalha û afirmou a ciclista Maitê, que começou na modalidade acompanhando os irmãos nas corridas.

O Brasil ainda pode subir ao pódio no judô masculino no primeiro dia de competições, com João Vitor Souza, na categoria meio-leve.

– Treinei bastante para chegar até aqui e vou dar o meu máximo. A medalha é uma consequência, mas quero fazer boas lutas e sair campeão – disse o judoca.

O remo terá provas no Puerto Madero. A primeira regata será de 900m com uma curva no meio e as outras serão de 400m.

– Os Jogos Olímpicos da Juventude são uma oportunidade única de proporcionarmos aos mais promissores atletas da nova geração do esporte brasileiro a primeira experiência olímpica de suas ainda curtas carreiras. Por se tratar de atletas ainda em processo de formação e desenvolvimento, nosso principal objetivo nesta competição é motivá-los a prosseguir buscando seus melhores resultados e se superando a cada treino e competição. Os resultados serão uma consequência do trabalho que vem sendo desenvolvido – afirmou Sebástian Pereira, chefe da missão brasileira em Buenos Aires.

A cerimônia de abertura dos Jogos acontece neste sábado, às 20h (de Brasília), na Avenida Nove de Julho.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...