Banco é condenado a indenizar cliente vítima de estelionato em Laguna

Vítima foi induzida a investir R$ 100 mil, mas dinheiro foi apoderado pela gerente da instituição financeira

Uma instituição financeira foi condenada a indenizar uma cliente vítima de estelionato pela gerente da entidade, em Laguna.

O caso ocorreu em 2014: a vítima foi induzida pela gerente do banco a investir R$ 100 mil em um plano que seria mais rentável e disponível apenas para funcionários da instituição financeira.

A mulher, então, realizou o pagamento com a entrega de dois cheques de R$ 50 mil e recebeu dois cheques de garantia de titularidade como garantia do acordo.

Porém, o dinheiro debitado não foi aplicado, mas sim apropriado pela gerente, enquanto os cheques de garantia retornaram por falta de fundos. Foi então que a vítima descobriu que se tratava de uma fraude.

A vítima entrou na justiça e, agora, o banco foi condenado a indenizá-la em R$ 100 mil por danos materiais e R$ 15 mil por danos morais, ambos acrescidos de juros e correção monetária.

+

Justiça SC