Detento que matou colega durante banho de sol é condenado em Criciúma

Detento matou o colega durante o banho de sol no Presídio Regional de Criciúma, no bairro Santa Augusta, em 2019

Um detento foi condenado a 15 anos de prisão por matar outro detento no Presídio Regional de Criciúma, no bairro Santa Augusta, em 2019. A Sessão do Tribunal do Júri ocorreu na comarca de Criciúma nesta quinta-feira (5). O crime teria sido cometido por ordem de uma organização criminosa.

De acordo com a denúncia do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), o homem matou a vítima durante o banho de sol. Ele golpeou o outro detento que ficou desacordado e na sequência acertou múltiplos golpes com um objeto cortante perfurando a região cervical, tórax e membros superiores da vítima.

Crime foi registrado no Presídio Regional de Criciúma em 2019 – Foto: Divulgação/Arquivo/Deap/NDCrime foi registrado no Presídio Regional de Criciúma em 2019 – Foto: Divulgação/Arquivo/Deap/ND

Acerto de contas

A motivação para o crime foi um acerto de contas entre a vítima e a organização criminosa que ordenou o assassinato. O autor do crime segue preso.

Na sessão, o Conselho de Sentença reconheceu que o homicídio foi praticado por motivo torpe e com emprego de recurso que dificultou a defesa da vítima.

O réu foi condenado a 15 anos de reclusão, em regime inicial fechado, e a ele foi negado o direito de recorrer em liberdade. Cabe recurso da decisão ao Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC).

+

Justiça SC

Loading...