Homem é condenado por tentar matar ex-companheira a facadas na frente do filho em SC

Ele foi condenado por tentativa de homicídio qualificado por feminicídio e dificultar a defesa da vítima

Mais um homem foi condenado após agredir a ex-companheira em Joinville, no Norte de Santa Catarina. Acusado de tentativa de homicídio qualificada por feminicídio e por dificultar a defesa da vítima, ele foi condenado a oito anos e nove meses de prisão sem o direito de recorrer em liberdade.

Homem foi condenado por tentativa de homicídio qualificado contra a ex-companheira – Foto: Fórum de Joinville/DivulgaçãoHomem foi condenado por tentativa de homicídio qualificado contra a ex-companheira – Foto: Fórum de Joinville/Divulgação

De acordo com o Ministério Público, Maiki Turquis invadiu a casa da ex-companheira, que acordou durante a noite com o choro do filho e foi surpreendida pelo homem já no quarto, ao lado da cama.

Já na cozinha da casa e muito alterado, ele tirou o filho do colo da mulher e começou a ameaçar tirar a própria vida se ela não retomasse o relacionamento com ele. No entanto, ao invés de se ferir, Turquis a ex-companheira no peito e no pescoço. Segundo o MP, ela só sobreviveu porque a faca “entortou” e, com isso, ela conseguiu tirá-la das mãos do agressor.

“A decisão dos jurados se traduz numa resposta firme da sociedade joinvilense contra esse tipo de delito, não havendo mais espaço para relativizações de condutas desta natureza”, ressaltou o promotor de Justiça Marcelo Sebastião Netto de Campos.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Justiça SC

Loading...