Justiça concede habeas corpus a Douglas Borba e Leandro de Barros

Os dois estavam presos desde o dia 6 de junho sob denúncia de obstrução de provas, o que estaria atrapalhando as investigações da Operação Oxigênio

A Justiça concedeu liberdade provisória ao ex-secretário da Casa Civil, Douglas Borba, e o advogado Leandro de Barros. Eles deixaram o Centro de Ensino da Polícia Militar, em Florianópolis, na tarde desta terça-feira (7).

Os dois estavam presos desde o dia 6 de junho sob denúncia de obstrução de provas, o que estaria atrapalhando as investigações da Operação Oxigênio. A força-tarefa da Polícia Civil apura supostas fraudes na compra de 200 respiradores pulmonares, feita pelo governo de Santa Catarina.

Saiba todos os detalhes na matéria do ND Notícias!

+

ND Notícias