TJSC deve realizar segundo repasse do duodécimo para Poder Executivo ainda em 2019

Presidente Rodrigo Collaço anunciou disposição durante prestação de contas do mandato, em encontro na sede da ACI (Associação Catarinense de Imprensa)

O TJSC (Tribunal de Justiça de Santa Catarina) vai realizar um segundo repasse do Duodécimo para o Poder Executivo ainda este ano. A informação foi revelada pelo presidente do TJSC, Rodrigo Collaço, durante entrevista coletiva de prestação de contas do mandato de dois anos (2018-2019) que se encerra no próximo dia 31 de janeiro, na sede da ACI (Associação Catarinense de Imprensa).

Desembargador Rodrigo Collaço teve a gestão do TJSC marcada pela inovação. Foto: Gabriel Lain/ND Desembargador Rodrigo Collaço teve a gestão do TJSC marcada pela inovação. Foto: Gabriel Lain/ND 

De acordo com Collaço, o valor a ser repassado para o Poder Executivo será definido nesta quarta-feira (18) na última reunião do ano do órgão especial do TJSC, que já devolveu este ano R$ 18 milhões. “Trabalhamos dentro de linha de cooperação com o Executivo”, declarou Collaço, que acredita que o segundo repasse das sobras do orçamento pode se aproximar do valor já devolvido este ano.

A implantação do sistema E-Proc e as audiências de custódia feitas por videoconferência foram algumas das realizações que marcaram o mandato de Collaço a frente do TJSC.  Apenas com o sistema E-Proc, estima-se uma economia anual de até R$ 14,5 milhões. “O E-Proc gerou polêmica em um certo momento, mas na nossa avaliação é um sistema mais eficaz, que agiliza o andamento de processos e é seguro, sendo testado na Lava Jato pelo TRF4”, avaliou Collaço.

A produtividade do TJSC foi outro destaque da prestação de contas feita por Collaço. Mesmo com dados relativos até novembro, os números demonstram que em 2019 houve recorde na quantidade de processos sentenciados (716.938) e baixados (1.002.894) no 1º grau. “A alta produtividade reduz o acervo de processos”, completou Collaço.

Presente ao encontro, o desembargador Ricardo Roesler  e futuro presidente do TJSC, destacou os avanços da gestão  de Collaço e prometeu dar continuidade ao trabalho baseado em três eixos:  informação, integração e inovação. “Quando nos propusemos a concorrer, sabíamos de todos os desafios, pela excelência da administração que foi desenvolvida. Foi uma equipe que marcou época e entra para a história pela proficiência e dinamismo”, elogiou.

REALIZAÇÕES DO MANDATO DE RODRIGO COLLAÇO:

  • Economia e melhor desempenho com o E-Proc
  • Audiências mais seguras por videoconferências
  • Gestão com Business Intelligence
  • 16 milhões para projetos de relevância social
  • celeridade e segurança com o SEI (Sistema Eletrônico de Informações)
  • Integração de dados com o ERP (Enterprise Resource Planning)
  • Julgamentos mais rápidos nas turmas de recursos
  • Padronização e agilidade na Unidade Regional de Execuções Fiscais Municipais e Estaduais
  • Maior segurança jurídica nas decisões
  • Superação das metas nacionais do Poder Judiciário
  • Criação do Núcleo de Inteligência e Segurança Institucional
  • Novo controle de acesso ao TJSC sem distinções
  • Comunicação Institucionais mais profissional e abrangente
  • Reuniões por videoconferência
  • Licitações ao vivo pelo YouTube
  • Ações com jovens acolhidos monitoradas em tempo real
  • Capacitação em videoaulas
  • Produtividade maior com o teletrabalho

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Justiça

Loading...