Felipe Massa afirma que safety car prejudicou sua estratégia na corrida

Entrada do carro de segurança aconteceu na 41ª volta, quando o brasileiro havia acabado de sair do pit-stop. Demora na saída do carro tirou o tempo de reação de Massa

Divulgação

Após uma largada fantástica, a participação de Felipe Massa no GP do Bahrein prometia muito, mas a entrada de um safety car, na volta 41, após acidente entre Maldonado e Gutierrez, acabou com a estratégia de corrida do brasileiro, que terminou em sétimo lugar.

Quando o carro de segurança entrou na pista, Massa havia acabado de sair do pit stop e, com pneus melhores, teria tido mais chances para atacar os adversários. Mas o safety car saiu da pista apenas na volta 47, a 10 do final.

– A largada foi fantástica, eu fiz tudo certo, tive uma boa aderência e tudo correu bem. Estávamos em uma boa posição e lutando, mas infelizmente a degradação dos pneus foi maior que o esperado. E o safety car não ajudou nossa estratégia – disse Massa.

Felipe tentou um ataque à Sebastian Vettel nas últimas voltas, brigando pela sexta colocação. Porém, com compostos duros contra os macios de Vettel, não teve chance de bater o alemão.

– Eu acho que deveríamos estar lá em cima com as Force India e não atrás das Red Bull, então isso é uma pena – comentou.

Apesar das infelicidades, Massa protagonizou uma belíssima corrida, com ultrapassagens, voltas rápidas e até mesmo um terceiro lugar momentâneo, quando, na largada, saiu de sétimo para terceiro antes da primeira curva.

– Tirando isso (problemas), foi uma boa corrida, com algumas boas batalhas e terminar com os dois carros na zona de pontuação é realmente positivo – completou o brasileiro.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Mais Esportes

Loading...