Conteúdo por Gazeta Esportiva

Nerisnelia Sousa esquece Mundial Sub-20 e visa categoria adulta

Nerisnelia dos Santos Sousa, chamada pelos amigos de Neris, estava firme seguindo os passos de sua amiga Mirieli Estaili dos Santos, ex-companheira de treino na ASA Sorriso (MT). Queria demonstrar isso no Mundial Sub-20 de Nairóbi, no Quênia, que acabou adiado por causa da pandemia da covid-19. O objetivo era subir ao pódio do salto triplo, repetindo o feito de Mirieli, ganhadora da medalha de prata no Mundial Sub-20 de Tampere, na Finlândia, em 2018.

“Eu tinha muitos planos, já de algum tempo, para o Mundial. Comecei o ano de 2020 muito bem, bem mesmo, ainda no período de base consegui 13,06 m, meu melhor salto em dois anos e melhor marca da minha vida. Estava confiante e focada, mas com o adiamento a gente fica meio abalada. Agora é pensar para a frente na categoria adulta”, comentou a atleta de 19 anos, nascida em São João do Caru, no Maranhão.

(Foto: Divulgação)

Para Marcos Vieira, as perspectivas de Neris são muito boas. “Ela começou muito bem a temporada e a projeção era dela saltar próximo dos 14 m no Mundial, seguindo o caminho da Mirieli. Sem o Mundial, agora é fazer a programação para o futuro, com a certeza que fará saltos maiores. Ela vai longe”, assegurou o treinador.

Pelos bons desempenhos em 2018, Mirieli ganhou bolsa de estudos e cursa Comércio Exterior na Universidade de Mississipi, nos Estados Unidos. Ela voltou ao Brasil no início da pandemia e tem estudado em casa pela internet. Os treinos, claro, continuam na Associação Sorrisense de Atletismo, enquanto não retorna para a escola norte-americana.

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

+ Mais Esportes