Com mudanças em trilhas, Parque Estadual das Araucárias reabre nesta quinta

Localizado no Oeste do Estado, parque terá novas placas que indicam caminho pelas trilhas; público poderá entrar no local a partir das 14h

Com a inauguração de três novas placas informativas de suas trilhas, a Unidade de Conservação Parque Estadual das Araucárias voltará a receber público a partir desta quinta-feira (16).

O parque, localizado nos municípios de São Domingos e Galvão, no Oeste de Santa Catarina, reabrirá a partir das 14h.

Parque Estadual das Araucárias abrirá novamente ao público a partir deste mês – Foto: IMA/Arquivo/Divulgação/NDParque Estadual das Araucárias abrirá novamente ao público a partir deste mês – Foto: IMA/Arquivo/Divulgação/ND

As trilhas do Mirante das Araucárias, da Cascata e da Corredeira do Rio Araçá foram as beneficiadas com as mudanças internas.

“Durante o período em que o parque ficou fechado, aproveitamos para realizar alguns reparos necessários nas estruturas, como a substituição das placas internas e informativas das trilhas, com o objetivo de receber melhor os visitantes”, explicou o coordenador da unidade, Mikon Moraes.

O público será atendido conforme medidas de prevenção à Covid-19. Dessa forma, é obrigatório o uso de máscara pelos visitantes.

Para realizar as trilhas, os mesmos precisam ter acompanhamento e orientação de guias do parque. Já grupos maiores, formados por estudantes e mais organizações, devem agendar previamente a visita.

Nos demais dias, a visitação na unidade ocorre de quarta-feira a domingo, das 9h às 17h. No final de semana, das 10h às 17h.

Trilhas são as principais atrações

Com três trilhas ecológicas, a Trilha do Mirante das Araucárias é a mais longa de todas, tendo um percurso total de 2.150 metros. Em seu trajeto, os visitantes podem ver diversos atrativos, como a araucária de 500 anos de idade, apelidada de “araucária centenária”.

A árvore centenária desempenha um papel importantíssimo para o ecossistema e preservação da mata nativa – Foto: IMA/Arquivo/Divulgação/NDA árvore centenária desempenha um papel importantíssimo para o ecossistema e preservação da mata nativa – Foto: IMA/Arquivo/Divulgação/ND

No mesmo caminho, observa-se também o mirante das araucárias, que possui 8 metros de altura. Nele, é possível enxergar boa parte da extensão da Unidade de Conservação, incluindo as aves e os mamíferos que vivem na área.

Ainda, uma roda d’água encanta os turistas. Pertencente a moradores que viviam no local, ela foi revitalizada e tornou-se um ponto atrativo e histórico.

Já a Trilha da Cascata possui percurso total de 1.100 metros. Entre seus principais atrativos estão a cascata do rio Jacutinga, principal afluente do rio Bonito, que abastece a cidade de São Domingos. Ainda, o lago artificial das capivaras serve como abrigo para plantas e animais de diferentes espécies.

Trilhas de tirar o fôlego são a principal atração do parque – Foto: IMA/Arquivo/Divulgação/NDTrilhas de tirar o fôlego são a principal atração do parque – Foto: IMA/Arquivo/Divulgação/ND

Por fim, a Trilha da Corredeira do Rio Araçá, que possui extensão de 800 metros, tem como principal atrativo a corredeira do rio Araçá.

De fácil acesso, a trilha tem pontos de parada com mesas e bancos para descanso. No final da mesma, há uma corredeira de água, onde é possível entrar com segurança e banhar-se.

Esta trilha foi adaptada pelo parque para ser percorrida de forma autônoma, sem a necessidade de acompanhamento dos condutores. Para ajudar os visitantes, ela conta com marcações, além das placas informativas e de educação ambiental.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Chapecó e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Meio Ambiente

Loading...