Excesso de gordura causou vazamento na Lagoa, diz Casan

Vazamento de esgoto na Avenida das Rendeiras foi denunciado na coluna de Cacau Menezes; problema foi solucionado ainda na noite desta quinta-feira (3)

A Casan (Companhia Catarinense de Águas e Saneamento) afirmou que o vazamento identificado por um morador na Avenida das Rendeiras, na Lagoa da Conceição, em Florianópolis, que foi denunciada pela coluna do Cacau Menezes nesta quinta-feira (3), se deu por conta de acúmulo de gordura, ocasionada pelos restaurantes da região.

O vazamento foi solucionado ainda na noite desta quinta, de acordo com informações da Casan e da Amola (Associação de Moradores da Lagoa).

Vazamento de esgoto na Avenida das Rendeiras, na Lagoa, foi solucionado na noite desta quinta – Foto: Reprodução

“O problema foi gerado pelo mau uso da rede, que recebe produtos inadequados a um sistema de esgoto, como gordura em excesso. É de se ressaltar que não havia registro algum de problemas nos sistemas da Companhia por parte dos usuários e o desentupimento foi providenciado ainda no final da tarde de quinta-feira (3), horas depois de a empresa ser comunicada pelo vídeo em questão”, explicou, em nota, a assessoria da Casan.

O Chefe de Agência de Florianópolis da Companhia, Francisco Pimentel, salientou que o motivo do vazamento foi “gordura pura”.

“Acontece apenas quando acumula na rede coletora excesso de gordura dos restaurantes. Apesar de restaurantes terem caixa de gordura, infelizmente não realizam a devida manutenção (limpeza periódica) e a gordura que deveria ser retida na caixa de gordura acaba indo para a rede de esgoto causando obstrução do fluxo e vazamento pelas tampas”, disse.

Excesso de gordura ocasionou vazamento, de acordo com a Casan – Foto: Reprodução

De acordo com a presidente da Amola, Eliane Butin, não houve outras reclamações de moradores antes da ocorrência desta quinta.

Ela destaca ainda que está sendo criado o “Pacto pela Lagoa da Conceição”, em que todos os casos de má manutenção, ligação irregular e situações como a ocorrida estão sendo mapeadas e solucionadas.

Confira o vídeo em que o morador da Lagoa reclama do vazamento nesta quinta-feira (3):

Relação com as manchas de esgoto na Lagoa

No fim de abril deste ano, a aparição de uma espuma na Lagoa da Conceição chamou a atenção dos moradores.

Em 20 de maio, a Prefeitura de Florianópolis, por meio da Floram (Fundação Municipal do Meio Ambiente), emitiu uma multa no valor de R$ 3,2 milhões à Casan. A justificativa foi o extravasamento da rede elevatória de esgotos da região do Leste da Ilha, trazida à tona pela espuma amarelada.

Ainda segundo o Chefe da Agência da Casan em Florianópolis, Francisco Pimentel, os problemas apresentados nesta quinta-feira (3) são parecidos com a ocorrência anterior.

“São problemas de causas similares, mas em lugares diferentes. Em todos os casos o excesso de gordura na rede provocou ou agravou o problema”, explicou.

+

Meio Ambiente