FOTOS: Visita de gavião carcará surpreende redação do nd+

Os repórteres do nd+ receberam a visita de um gavião carcará, que "pousou" para inúmeras fotos na nossa redação, no Morro da Cruz

A equipe do <strong>nd+</strong> foi surpreendida na manhã desta sexta-feira (11) por uma visita incomum: um gavião carcará – Foto: Diogo Maçaneiro//ND
1 4

A equipe do nd+ foi surpreendida na manhã desta sexta-feira (11) por uma visita incomum: um gavião carcará – Foto: Diogo Maçaneiro//ND

O gavião de penas pretas e bico amarelo, e que habita o centro e o sul da América do Sul, pousou no peitoril da janela da redação e não se intimidou nem com os flashes dos repórteres – Foto: Diogo Maçaneiro/ND
2 4

O gavião de penas pretas e bico amarelo, e que habita o centro e o sul da América do Sul, pousou no peitoril da janela da redação e não se intimidou nem com os flashes dos repórteres – Foto: Diogo Maçaneiro/ND

A espécie, cujo nome científico é Caracara plancus, conta com dois nomes populares: Gavião cara-cará/carcará ou apenas cara-cará/carcará. A espécie é conhecida principalmente pelo “chapéu” preto no topo da cabeça – Foto: Diogo Maçaneiro//ND
3 4

A espécie, cujo nome científico é Caracara plancus, conta com dois nomes populares: Gavião cara-cará/carcará ou apenas cara-cará/carcará. A espécie é conhecida principalmente pelo “chapéu” preto no topo da cabeça – Foto: Diogo Maçaneiro//ND

“É uma espécie frequente na urbanidade. Gostam também dos gramados nas cidades, paisagens abertas, campos e praias” afirma a ornitóloga Lenir Alda do Rosário. Há registros da espécies em diferentes municípios do Estado – Foto: Diogo Maçaneiro//ND
4 4

“É uma espécie frequente na urbanidade. Gostam também dos gramados nas cidades, paisagens abertas, campos e praias” afirma a ornitóloga Lenir Alda do Rosário. Há registros da espécies em diferentes municípios do Estado – Foto: Diogo Maçaneiro//ND

+

Meio Ambiente