Mapeamento de cachoeiras vai garantir guia para turistas em Palhoça

Prefeitura catalogou cachoeiras com o objetivo de aumentar público na temporada de verão

Amantes da natureza terão uma nova ajuda para conhecer as cachoeiras em Palhoça. Um mapeamento feito pela prefeitura catalogou todas as cachoeiras no município. A ação de identificação desses geosítios públicos tem como objetivo ampliar o fomento do setor cultural através da sinalização das trilhas de acesso que levam os turistas às áreas ambientais em questão.

Cachoeira do Jarrão é uma das cachoeiras catalogadas no município – Foto: Prefeitura de Palhoça/Divulgação/NDCachoeira do Jarrão é uma das cachoeiras catalogadas no município – Foto: Prefeitura de Palhoça/Divulgação/ND

Para o secretário de Turismo José Virgílio da Silva Júnior, “com o mapeamento das cachoeiras e quedas d’água poderemos oferecer mais conforto e segurança para as pessoas e, principalmente, evitar o mau uso dos locais públicos”.

“O turismo em Palhoça sempre foi um importante vetor de desenvolvimento econômico. O mapeamento das cachoeiras permitirá que nossos visitantes conheçam de forma melhor e mais segura nossas belezas naturais e, ao mesmo tempo, contribuam com a preservação”, ressaltou o prefeito Eduardo Freccia.

Com a chegada da temporada de verão, o interesse turístico para áreas abertas, refrescantes e aquáticas cresce. Por isso, o aumento das ações que visam respeitar e preservar locais com fauna e flora locais se faz de extrema importância.

Natureza deve ser utilizada de maneira consciente – Foto: Prefeitura de Palhoça/Divulgação/NDNatureza deve ser utilizada de maneira consciente – Foto: Prefeitura de Palhoça/Divulgação/ND

Entre as cachoeiras catalogadas está a do Jarrão, uma das mais bonitas da cidade. Nela, piscinas de águas naturais e transparentes e uma vegetação diversificada, que cobre a trilha de acesso, atraem muitos visitantes na temporada.

Apesar do local exuberante, perto da queda d’água existe um sistema de captação de água utilizado de forma inadequada como espaço para banho. Para evitar esse uso desregrado, através do mapeamento, será implantada uma identificação visual contendo as informações específicas de cada unidade ambiental.

Como acessar o mapeamento

Todo o catalogamento das cachoeiras poderá ser acessado através do site da Secretaria de Turismo de Palhoça, que ainda está sendo finalizado. Ao todo, são quatro cachoeiras catalogadas, entre elas:

  • Cachoeira da Enseada de Brito, localizada no acesso do Morro dos Gaúchos, ou então pela rodovia Governador Mário Covas, no km 229 da BR-101;
  • Cachoeira do Poço Preto, situada no Sertão do Campo, com acesso pelo km 242 da BR-101, na rodovia Governador Mário Covas, ou então após a praça de pedágio, na estrada Geral das Três Barras;
  • Cachoeira do Jarrão, acessada pela área de estacionamento do posto de combustíveis Ipiranga situado às margens da rodovia Governador Mário Covas, na BR-101;
  • Cachoeira do Missiambú Pequeno, localizada às margens do Parque Estadual da Serra do Tabuleiro, com acesso pelos kms 233 e 234 da rodovia Governador Mário Covas, na BR-101.

Um folder promocional será liberado para a população. O documento também terá um QR code que direcionará quem ler para um material mais completo com informações sobre as cachoeiras.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Meio Ambiente

Loading...