Pessoas invadem área isolada para descanso de elefante-marinho em Balneário Camboriú

Guarda Municipal precisou ir ao local e orientar as pessoas para que deixem o animal em paz, vídeos das pessoas incomodando o elefante-marinho repercutiram nas redes sociais

Mesmo com a barreira no deck que protege a área onde o elefante-marinho descansa, o animal não conseguiu se livrar do incômodo que tem sentido nos últimos dias enquanto tenta descansar em uma praia de Balneário Camboriú.

Imagens mostram diversas pessoas pulando a proteção do deck para ter acesso ao animal. A Guarda Municipal precisou ir ao local para garantir que as pessoas parassem de pular a proteção do deck.

Imagens mostram pessoas pulando a proteção do deck para ver elefante-marinho – Vídeo: Camboriú News

No último domingo (18), um grupo de visitantes ficou bem próximo do elefante-marinho que descansava na Praia do Coco, as pessoas  quase foram atacadas pelo animal, que teria se irritado com o som alto do grupo.

O elefante-marinho apareceu na cidade na última semana, na Praia das Conchas, próximo à Praia do Buraco. Ele é observado pelo GPA (Grupo de Proteção Ambiental) e a equipe da Semam (Secretaria do Meio Ambiente).

Pessoas pulam deck para acessar elefante-marinho em BC – Foto: Camboriú NewsPessoas pulam deck para acessar elefante-marinho em BC – Foto: Camboriú News

É comum que o elefante-marinho pare para descansar em locais de areia para repor as energias entre sete a dez dias. Por isso, o local em que o animal está de repouso foi isolado para manter a população distante do animal, garantindo a segurança de todos.

No entanto, nas imagens, é possível ver o grupo bem próximo ao animal. O elefante-marinho acaba se afastando da praia, em direção ao mar. Assista:

Elefante-marinho se irrita com som alto e assusta visitantes em praia de BC – Vídeo: Camboriú News/Reprodução/Redes sociais

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Itajaí e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Meio Ambiente

Loading...