Susto: terremoto atinge regiões no Norte do Brasil

Tremor de magnitude 4,7 teve o epicentro na cidade de Barcelos na divisa com Roraima e pode ser sentido a 400 km em Manaus

Um terremoto de magnitude 4,7 foi registrado, no início da madrugada desta quarta-feira (28), com epicentro na cidade de Barcelos, interior do Estado do Amazonas, na divisa com Roraima.

O tremor também foi sentido também na Capital do Estado, Manaus localizada a 400 km de distância do epicentro. Barcelos tem 27 mil habitantes e fica às margens do rio Negro. As informações são do Uol e Folha de São Paulo.

Imagem do Serviço Geológico dos Estados Unidos mostra onde foi o epicentro do terremoto – Foto: ReproduçãoImagem do Serviço Geológico dos Estados Unidos mostra onde foi o epicentro do terremoto – Foto: Reprodução

“Aqui balançou bastante o lustre e meus cachorros começaram a latir um pouco antes”, relata a advogada e professora Alichelly Ventura, moradora do bairro Ponta Negra, na zona Oeste de Manaus, perto da orla do rio Negro.

Esse foi o segundo tremor que a advogada sentiu neste ano. No dia 31 de janeiro, moradores sentiram o reflexo de um terremoto de 5,7 na Guiana.

Alichelly sentiu a cama tremer e saiu do prédio junto com vizinhos. Em outros bairros da Capital amazonense, moradores com medo das consequências do terremoto, fizeram a mesma coisa.

Poucos estragos

Nesta quarta, a situação foi menos assustadora. De acordo com o USGS (Serviço Geológico dos Estados Unidos), o terremoto teve uma profundidade de 10 km e foi um tremor com potencial para causar poucos danos perto do epicentro.

Até o momento, apesar do susto dos moradores de Barcelos, não há relatos de estragos ou pessoas feridas por causa do tremor.

“É como se a gente estivesse tonta”, descreve a advogada moradora do bairro Ponta Negra. “Tenho medo porque moro em prédio e isso pode abalar as estruturas, dependendo da magnitude”.

Terremoto em Pernambuco

Em setembro de 2020, um terremoto de magnitude 6,9 foi registrado em no oceano Atlântico, próximo a Fernando de Noronha, no estado de Pernambuco.

O epicentro foi localizado a cerca de 282 km a leste do arquipélago São Pedro e São Paulo, a 816 km a nordeste de Fernando de Noronha e também próximo a Natal (RN), Recife (PE) e Fortaleza (CE).

Tremores de terra danificaram imóveis e assustaram os moradores de cidades do o Em agosto do mesmo ano, Recôncavo Baiano, Baixo-sul da Bahia e até em alguns bairros da capital Salvador.

“Foi um susto para todo mundo. Aqui na cidade, registramos três tremores em sequência”, afirmou, na ocasião, o prefeito de Amargosa, Júlio Pinheiro (PT). Apesar do susto, não houve registro de feridos nem de danos físicos de maior proporção na cidade.

+

Meio Ambiente

Loading...