Marcelo Nunes

marcelonunesitj@gmail.com O Litoral Norte de Santa Catarina em foco diariamente com Marcelo Nunes, que trará os destaques na região, além de fatos exclusivos trazidos pelo jornalista, com 12 anos de atuação.


VÍDEO: Conheça o relógio de luxo da Ocean Race feito com redes de pesca recicladas

As vendas do modelo de R$ 60 mil cada tem edição limitada e vão começar no mês de junho, empresa quer passar mensagem de que é possível transformar reciclagem em luxo

A Ulysse Nardin, fabricante suíça de relógios que é parceira da Ocean Race, a maior regata do mundo que chega pela quarta vez na história a Itajaí em abril do ano que vem apresentou seu novo modelo, o THE OCEAN RACE DIVER é composto em grande parte por redes de pesca recicladas.

A empresa que desde 1846 fabrica cronômetros marinhos divulgou dados importantes e assustadores sobre o plástico e as redes de pesca que contaminam os mares mundo afora.

Um estudo recente da ONU constatou que mais de 640 mil toneladas são jogadas ao mar todos os anos que se somam as 9 milhões de toneladas já existentes.

Modelo especial da Ocean Race vai ter apenas 200 unidades – Foto: Divulgação/Ulysee Nardin/NDModelo especial da Ocean Race vai ter apenas 200 unidades – Foto: Divulgação/Ulysee Nardin/ND

Com o enfoque ambiental, mas trabalhando para um mercado extremamente exigente, a empresa apresentou seu novo relógio.

Com uma edição de apenas 200 unidades, o modelo da Ocean Race é divulgado no site oficial da empresa com preço de venda de 11.500 dólares, na conversão atual algo em torno de R$ 60 mil.

Patrick Pruniaux, CEO da Ulysse Nardin afirmou que ” Essa é a nossa forma de conscientizar as pessoas sobre o assunto reciclagem”

Fabricante suíça apresentou modelo nesta terça-feira (17) – Vídeo: Divulgação/Ulysse Nardin/ND

A empresa encontrou um fornecedor francês que recicla o material das redes de pesca abondadas e faz a conversão para a base do relógio.

Mais da metade dos componentes do relógio de luxo vem de canais de reciclagem com aço reciclado, por exemplo.

A correia é inteiramente reciclada a partir de redes de pesca, transformadas em rolos de fio pela empresa francesa JTTI.

Redes de Pesca usadas na produção do relógio em galpão na França – Foto: Ulysse Nardin/Divulgação/NDRedes de Pesca usadas na produção do relógio em galpão na França – Foto: Ulysse Nardin/Divulgação/ND

O modelo começa a ser vendida a partir do mês que vem e vai ser comercializado em uma bolsa também feita com materiais recicláveis resistente a água feita pela Helly Hansen, a empresa da Noruega que fabrica as roupas usadas pelos velejadores da regata.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Itajaí e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...