Mundo Maria

maria.petrelli@ndtv.com.br Entretenimento, lifestyle, arte e tudo que move o mundo dos influenciadores nas redes sociais.


Cantora de Florianópolis regrava clássico do pagode nacional

“Insegurança”, novo single de Joana Castanheira, ganhou sonoridade R&B e pode ser ouvida em todas as plataformas digitais a partir de 11 de maio

Hello, Leitores!!! Quem não lembra da música “Insegurança”, que foi gravada originalmente pelo grupo Pixote? Então, a cantora manezinha Joana Castanheira regravou esse sucesso do pagode nacional e vai lançar a música nesta quarta-feira (11). Com arranjos de Felipe Pessoa, a canção ganhou sonoridade R&B e poderá ser ouvida em todas as plataformas de streaming.

“Insegurança”, novo single da cantora que ganhou uma sonoridade R&B, pode ser ouvida em todas as plataformas digitais a partir de 11 de maioCantora manezinha, regrava novo clássico de pagode. -Reprodução: Crédito Casa Frisson/ND – Foto: JOANA CASTANHEIRA

O single de estreia integra o novo álbum da artista, que traz releituras inéditas de grandes clássicos do pagode brasileiro. A música desloca você para uma realidade nostálgica, criativa e potente, inspirada por artistas internacionais da época, como Rihanna e Ne-Yo”, contou Joana ao Mundo Maria.

A cantora ainda destacou que esse novo projeto apresenta uma estética imersa e realista dos anos 2000. “No trabalho anterior, o Aparador De Saudades Que Ainda Não Existiram Ou Porta-Retratos (2021), apresentei uma estética forte e retrô, com muitas referências dos anos 70. Neste, quis trazer uma estética diferente, mas que conversasse com a proposta do último trabalho, aliando à proposta musical, que é dos anos 2000”, destaca.

E essa inspiração poderá ser vista também no clipe de “Insegurança”, que será lançado dia 12 de maio no canal da cantora no YouTube.

Novo single

O single faz parte do novo projeto autoral, “PeRdÃo, AmOr (eU eRrEi)”, que traz releituras de pagodes brasileiros em versão inédita.

“O álbum entoa a vida dos amantes de pagode que se agradam pelas canções de inesquecíveis amores, aqueles que sentem a experiência de um amor vivido e as cicatrizes deixadas”, completa Joana.

O projeto tem produção e direção da Casa Frisson, e a produção musical é assinada por Felipe Pessoa.

Conheça mais sobre Joana:

Para quem não conhece Joana, ela começou a carreira musical ainda na infância. Desde os sete anos de idade, a música e o teatro musical sempre estiveram presentes no universo da artista.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Diversa+ na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...