Descubra como funciona a composição de uma música

Processo de composição varia de artista para artista e surge com as mais variadas inspirações

O primeiro passo para qualquer música fazer sucesso é a letra. Afinal, a partir das palavras que as pessoas vão poder se identificar com as canções e cantarolar por aí os versos e refrões. A composição é um processo de ouro.

Thales Gui já fez sucesso interpretado por Gusttavo LimaThales Gui já fez sucesso interpretado por Gusttavo Lima – Foto: Divulgação

Talvez você não tenha parado para pensar, mas compor uma música e criar cada frase está longe de ser algo prático e simples. O trabalho exige colocar os neurônios para se exercitar e ainda juntar as mais diferentes frases em uma só mensagem.

A primeira resposta que se pode responder aqui é que não existe uma receita de bolo para seguir cada passo e chegar ao resultado perfeito. Muito pelo contrário, cada pessoa tem seu próprio processo criativo, com seus próprios gatilhos mentais para alcançar o objeto principal: uma música pronta para se encontrar com os instrumentos e chegar aos ouvidos do público.

Composições de sucesso

Thales Gui, cantor e compositor de Joinville, sabe muito bem o que é isso. O artista se divide entre Santa Catarina e Goiânia, capital de Goiás e do próprio sertanejo – ritmo em que ele já se consagrou com inúmeras composições de sucesso.

Só para se ter noção, a música Nota de Repúdio do superstar Gusttavo Lima passou pelas mãos inspiradas de Gui. Esse é um dos maiores sucessos do sertanejo nos últimos tempos. Dar Uma Namorada da dupla Israel & Rodolffo também é escrita pelo joinvilense.

Na maior cidade catarinense, Thales Gui costumava compor por hobby a partir de várias inspirações, mas em Goiânia o objetivo é sempre profissional. Junto de outros compositores, o artista cria músicas já voltadas para emplacar no mercado fonográfico e atingir as maiores posições nos streamings:

”A gente discute o mercado. Na verdade, a composição é sempre analisar o mercado 6 meses na frente. Não adianta fazer o que toca agora, porque no máximo vai dar para tirar uma música gravada. Você tem que pensar na frente, criar uma novidade que as pessoas vão ouvir”.

O artista ainda cita que esses grupos de composição formam verdadeiras rodas de conversa, em que trocam ideias e discutem os temas que as pessoas debatem no dia-a-dia e que podem impactar de verdade. Sem falar, claro, em melodias fortes para grudar na cabeça dos ouvintes.

Diferentes formas de compor

Já no caso de Rodrigo Schwartz, jornalista e guitarrista da banda Lado Errado, a parte inicial começa pelo instrumental. As canções são criadas em sua guitarra e depois vão parar no papel em forma de palavras:

”Tem músicas da minha banda que o outro guitarrista compõe a parte instrumental, ou também nosso baterista e depois eu venho com a parte vocal. Pelo menos dessa maneira funciona para nós”.

Ele mesmo confessa que não existe regra para composição. Cada músico sente a música de maneira diferente. Rodrigo, inclusive, já levou meses para concluir uma música. Tudo em busca da perfeição das notas. O importante é chegar no resultado desejado.

Diferentes estilos se encontram no Canta+

Assim deve ser. Os processos criativos são os mais diversos e não há o que se queixar. Afinal, podemos ouvir e sentir canções dos mais diferentes estilos, durações e tendências. O vencedor do Canta+ vai saber muito bem o que é isso na prática.

Equipe reunida para o Canta+Equipe reunida para o Canta+ – Foto: José Somensi Fotografia/ND

O vencedor do programa ganhará um contrato com a gravadora Steel Media para a gravação de um EP e duas diárias no estúdio Elephant para a finalização do material.

Para completar, o cantor mais votado vai se apresentar no Hard Rock Live Florianópolis, o lar oficial da competição, onde todas as etapas vão acontecer.

+

Música

Loading...