Cacau Menezes

Apaixonado pela sua cidade, por Santa Catarina, pelo seu país e pela sua profissão. São 45 anos, sete dias por semana, 24 horas por dia dedicados ao jornalismo


No Verão de 1971 um show para nunca mais esquecer

Geração romântica

A pandemia  me fez voltar com tudo ao som. Spotify caiu do céu. Tô ouvindo música há um ano até dormindo.  Essa semana reencontrei  “Gal Fatal – A todo Vapor”, com certeza o melhor disco da cantora baiana e  um dos cinco melhores discos brasileiros de todos os tempos. Gravado ao vivo em 1971 no Teatro Tereza Rachel, no Rio, com direção do poeta Wally Salomão, o  Brasil bombando, no show que está no disco a música mais aplaudida, no início e no fim, é  Sua Estupidez, do Roberto Carlos, que Gal canta, nesse dia, melhor do que o rei. Façanha pouco comum no Brasil entre milhares de  famosos e  anônimos, que ousam cantar aquelas canções do Roberto. O disco todo é excepcional, para qualquer lugar do mundo.
Detalhe: foi o primeiro show da Gal em Floripa, trazida pelo Beto Stodieck, que a levou no seu fusca verde na noite anterior para conhecer o Kioski, onde se reunia a moçada da cidade.  Ao chegar me chamou no carro. No banco de trás lá estava Gal, novinho, pol, linda, famosa. Pirei. Sorte minha que estava lá. No show, dia seguinte, Teatro Álvaro de Carvalho, o TAC, lotado, só beatiful people. E eu na primeira fila com os convidados do Beto. No dia seguinte, na coluna Broas & Biscoitos, do Carlinhos Muller no Jornal de Santa Catarina, o “Santa”  onde todos da minha idade queriam estar, a fofoquinha básica:  “Por que será que o Cacau Menezes chorou tanto durante a música Sua Estupidez no show da Gal Costa?”
Cinquenta anos depois, me permito responder:

Um disco para o mundo se deliciar – Foto: ReproduçãoUm disco para o mundo se deliciar – Foto: Reprodução

A letra, a interpretação, o coração, o momento, a iniciação, um pouco de tudo.  O chorão tinha 16 anos…Ainda não sabia o que vinha pela frente.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.