ANTT confirma concessão do trecho Sul da BR-101 no terceiro bimestre de 2019

A concessão do trecho sul da BR-101 está mantida para o terceiro bimestre de 2019. A informação foi confirmada ontem pela ANTT (Agência Nacional dos Transportes Terrestres), após a conclusão do ciclo de três audiências públicas para apresentação do projeto de concessão da rodovia. Na audiência desta segunda-feira (22) realizada em Brasília, foram registradas 23 presenças e apenas duas contribuições orais e uma por escrito.

+

SC no ar

Loading...

ANTT confirma concessão do trecho sul da BR-101 no terceiro bimestre de 2019

Na última audiência realizada na semana passada, representantes das cidades que terão praças de pedágio e de postos de combustíveis registraram uma série de preocupações em ata

A concessão do trecho sul da BR-101 está mantida para o terceiro bimestre de 2019. A in­formação foi confirmada ontem pela ANTT (Agência Nacional dos Transportes Terrestres), após a conclusão do ciclo de três audiências públicas para apresentação do projeto de con­cessão da rovodia. Na audiência de ontem, realizada em Brasília, foram registradas 23 presenças e ape­nas duas contribuições orais e uma por escrito.

Veículos de passeio poderão pagar até R$ 3,97 de tarifa de pedágio após a concessão - Flávio Tin/ND
Veículos de passeio poderão pagar até R$ 3,97 de tarifa de pedágio após a concessão – Flávio Tin/ND

Na semana passada, nas audiências realizadas em Santa Catarina, representantes das ci­dades que terão praças de pedá­gio e de postos de combustíveis registraram uma série de preocu­pações em ata. As contribuições serão avaliadas pelos técnicos da ANTT e respondidas em ata.

Segundo a ANNT, o projeto de concessão não está fechado e todas as opiniões realizadas nos três encontros serão avaliadas e caso, procedentes, passarão a integrar o processo. Os pre­feitos das cidades que formam o Extremo Sul Catarinense são contrários ao andamento da concessão. De acordo com nota de repúdio enviada pela Amesc (Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense), a con­cessão só deveria ser realizada pelo governo que será eleito no próximo domingo, (28).

O trecho a ser concedido tem 220,42 km de extensão e passa pelos municípios de Paulo Lopes, Garopaba, Imbituba, Laguna, Capivari de Baixo, Tubarão, Ja­guaruna, Criciúma, Araranguá, Sombrio e São João do Sul. O em­preendimento prevê investimen­tos de R$ 6,5 bilhões, sendo R$ 2,9 bilhões em investimentos e R$ 3,6 bilhões em custos operacionais, nos 30 anos de duração da con­cessão. A tarifa máxima prevista na licitação é de R$ 3,97.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Notícias

Loading...