Após ocupação, estudantes decidem deixar sede da Reitoria da UFFS, em Chapecó

Atualizado

Estudantes que ocupam a UFFS (Universidade Federal da Fronteira Sul) decidiram em assembleia, na noite de quarta-feira (18), desocupar imediatamente o prédio da Reitoria, que fica localizado na avenida Fernando Machado, no Centro de Chapecó.

Estudantes reunidos no prédio na noite desta quarta-feira – Willian Ricardo/ND

A decisão ocorre após o Conselho Universitário acatar as cinco reivindicações feitas pelo Movimento Ocupa UFFS, em Sessão Ordinária realizada durante a tarde. Após seis horas de reunião, todas as propostas dos estudantes foram aprovadas. 

Com a decisão, os estudantes devem entregar o controle do portão de acesso ao prédio  à equipe de segurança do espaço. Já os alimentos levados até o complexo serão doados. 

A limpeza, organização e desocupação total do espaço deve ocorrer até às 10h de sexta-feira (20). 

Ocupação 

Cerca de 200 pessoas ocupam as salas do prédio onde fica a Reitoria da instituição desde a sexta-feira, dia 30 de agosto. Estudantes, sindicatos de professores e servidores não reconhecem a nomeação de Marcelo Recktenvald e pedem a renúncia do novo reitor.

Recktenvald ficou em terceiro lugar no primeiro turno da consulta pública que teve quatro candidatos, com 21% dos votos. Ele compôs a lista tríplice encaminhada para a escolha do presidente Jair Bolsonaro (PSL), que deferiu pela escolha de Marcelo como o novo reitor. 

Reunião do Consuni 

O Conselho Universitário aprovou as cinco propostas enviadas pelo estudantes ocupados no prédio da Reitoria. São elas:

UFFS Chapecó – Willian Ricardo/ND 

  • Convocação de sessão especial do Conselho Universitário para deliberação do pedido de recomendação da destituição de Marcelo Recktenvald do cargo de reitor, a qual deverá ocorrer até a data limite de 30 de setembro de 2019;
  • Convocação de assembleia da comunidade acadêmica para, em caráter consultivo, se manifestar sobre a proposta de destituição de Marcelo Recktenvald do cargo de reitor, a qual deverá ocorrer antes da sessão mencionada no item 1.
  • Convocação de sessão especial do Conselho Universitário para deliberação da não adesão da UFFS ao programa Future-se, a qual deverá ocorrer até a data limite de 30 de setembro de 2019;
  • Convocação de assembleia da comunidade acadêmica para, em caráter consultivo, se manifestar sobre a não adesão da UFFS ao programa Future-se, a qual deverá ocorrer antes da sessão mencionada no item 1;
  • Compromisso do Conselho Universitário de não haver prejuízos disciplinares e acadêmicos aos estudantes e aos servidores devido ao envolvimento em manifestações

O que diz Marcelo? 

Em um áudio divulgado pela sua equipe, Marcelo falou sobre a aprovação das solicitações do estudantes e também sobre o pedido de destituição dele como reitor, além das demais demandas; OUÇA

Mais conteúdo sobre

Educação