Aprovado projeto que cria semana de prevenção à automutilação

Atualizado

Foi aprovado, por unanimidade, o projeto de lei nº 0061.3/2019 que institui a semana de prevenção, conscientização e combate à automutilação. A proposta foi aprovada na Alesc nesta terça-feira (5). A autoria foi do deputado estadual Sergio Motta (Republicanos).

Semana de prevenção, conscientização e combate à automutilação é aprovada na Alesc – Foto: Pixabay/Reprodução/ND

Conforme o projeto, a Semana de Prevenção deve ser realizada anualmente, na primeira semana do mês de setembro, em todos os municípios de Santa Catarina. O projeto aprovado passa, também, a integrar o calendário oficial de eventos do Estado.

De acordo com o deputado, a automutilação é um fenômeno que tem preocupado cada vez mais as pessoas, as famílias e os profissionais que atendem na área da saúde mental.

Leia também:

Ele relata que no Brasil, psicólogos, psiquiatras e terapeutas tem chamado atenção para o assunto com frequência, principalmente aqueles que atendem adolescentes.

“Temos conhecimento de dados de pesquisas internacionais que apontam que o comportamento automutilatório é um dos primeiros sinais antes de uma tentativa de suicídio, e muita gente não sabe disso”, alerta Motta.

O objetivo deste projeto, de acordo com Motta, é chamar a atenção para uma doença silenciosa, que faz inúmeras vítimas e chamar atenção para que casos de automutilação sejam identificados.

Notícias