Avaí emite nota de pesar pela morte do ciclista Edinho, atropelado na BR-101

Atualizado

Edinho, da equipe de ciclismo do Avaí – Arquivo/Daniel Queiroz/ND

O Avaí publicou uma nota há pouco, por meio do seu site oficial, onde se solidariza com a morte de Edson Luiz de Rezende, o Edinho, 33, vítima de um acidente de trânsito na manhã desta sexta-feira (3), na via marginal da BR-101, sentido Sul, altura do km 203. Edinho, que é natural de São Paulo (SP), era guia e treinava com o paratleta Orides Joel, por volta das 11h, quando foram atropelados por um caminhão com placa de Palhoça.

Leia Mais

Edinho era ciclista do Avaí e membro da Associação Pedal da Grande Florianópolis. Juntamente de Orides treinavam para competições que participavam em parceria com a Fundação Municipal de Esportes de São José.

“É uma perda irreparável para o ciclismo Catarinense e Brasileiro. Sempre dedicado, um grande vencedor”, disse Francisco José Battistotti, presidente do Avaí.

Edinho colecionou títulos e conquistas ao longo da sua carreira. No paraciclismo, a dupla Edinho e Orides é a atual campeã brasileira de Paraciclismo, feito repetido nos anos de 2015, 2016, 2017 e 2018.

Segue, na íntegra, a nota do clube:

É com pesar que os poderes constituídos do Avaí Futebol Clube lamentam a morte do ciclista Edson Luiz de Rezende, nesta sexta-feira (03/05), em decorrência de acidente de trânsito no município de São José-SC.

Edinho, como era conhecido no mundo do Ciclismo, estava treinando com seu parceiro Orides Joel, quando foram atropelas por um caminhão. Lamentavelmente, Edinho (Guia) não resistiu aos ferimentos. Orides apenas teve escoriações na mão e passa bem.

Na ocasião do acidente, a dupla de paraciclismo treinava para competições que participavam em parceria com a Fundação Municipal de Esportes de São José, município vizinho de Florianópolis-SC.

Edinho também era ciclista do Avaí, além de ser membro da Associação Pedal da Grande Florianópolis.
“É uma perda irreparável para o ciclismo Catarinense e Brasileiro. Sempre dedicado, um grande vencedor”, disse Francisco José Battistotti, presidente do Avaí.

Em sua carreira, Edinho foi um atleta de grande potencial, tendo conquistado muitos títulos pela equipe de ciclismo do Avaí. No paraciclismo, a dupla Edinho e Orides é a atual Campeã Brasileira de Paraciclismo, feito este conquistado nos anos de 2015, 2016, 2017 e 2018.

Nossos sentimentos aos familiares, amigos e amantes do esporte.

Mais conteúdo sobre

Mais Esportes