Balneabilidade: 80% dos pontos monitorados em Florianópolis estão próprios para banho

Atualizado

A Ilha de Santa Catarina apresenta índice de balneabilidade superior à média estadual, segundo o IMA – Foto: Flavio Tin/ND

O verão está se aproximando e uma boa notícia espera os banhistas de Florianópolis e dos demais municípios do litoral, além dos turistas que devem chegar em peso a partir dos feriados do fim de ano. De acordo com o último relatório de balneabilidade do Instituto do Meio Ambiente do do Estado de Santa Catarina (IMA), 68 dos 85 pontos monitorados na Capital estão adequados para mergulho, o que representa 80% do total. As coletas foram realizadas durante a semana de 2 a 6 de novembro em 144 locais da orla catarinense.

Segundo a pesquisa, 114 locais catarinense do litoral estão próprios para banho, o que representa 79,5% do total dos pontos analisados. Em relação ao relatório anterior, três pontos passaram da condição de próprio para impróprio e um ponto passou da condição de impróprio para próprio.

Arte/ND

Foram efetuadas amostragens e ensaios nos municípios de Araranguá, Balneário Arroio do Silva, Balneário Gaivota, Balneário Camboriú, Balneário Rincão, Barra Velha, Biguaçu, Bombinhas, Florianópolis, Garopaba, Governador Celso Ramos, Imbituba, Itajaí, Itapema, Itapoá, Jaguaruna, Joinville, Laguna, Navegantes, Palhoça, Passo de Torres, Penha, Piçarras, Porto Belo e São José.

O IMA sugere que os banhistas fiquem atentos às placas de sinalização da balneabilidade, pois muitas são danificadas, vandalizadas, queimadas e até tiradas dos locais onde foram colocadas para informar a condição do ponto amostrado. O instituto destaca ainda que todas as informações sobre a condição das praias catarinenses podem ser acessadas em balneabilidade.ima.sc.gov.br.

Mais conteúdo sobre

Geral