Câmeras de sincronia de sinaleira em tempo real começam a ser instaladas em Florianópolis

Os motoristas que transitam pelo Centro de Florianópolis devem ter um problema a menos para se preocupar em breve.  Isso porque a Prefeitura de Florianópolis iniciou nesta semana a instalação das 120 câmeras de vídeo que irão possibilitar a sincronia em tempo real de 30 cruzamentos do bairro. Essas câmeras conseguem sinalizar qualquer alteração no trânsito e possuem também uma central de operações, que comunica em tempo real possíveis imprevistos, falta de energia e informações importantes para o funcionamento do sistema.

Semáforos dessincronizados na avenida Paulo Fontes. - Eduardo Valente
Semáforos dessincronizados na avenida Paulo Fontes – Eduardo Valente/Arquivo/ND

Segundo o diretor de Operações de Trânsito de Florianópolis, Fabrício Justino, a instalação das câmeras deve ser concluída em duas semanas – se as condições climáticas permitirem. “Com os novos 30 controladores já instalados, os semáforos da Capital seguem o modelo de ‘Tempo Fixo’, ou seja, eles fecham e abrem seguindo um período de tempo já estipulado”, explica Justino. “Com a mudança, 30 destes aparelhos, que estarão nas áreas de maior fluxo, seguirão o ‘Tempo Real’, que verifica a situação do trânsito 24 horas por dia, por sensores, e consegue otimizar o fluxo, variando o período de sinais abertos e fechados”, detalha.

De acordo com os técnicos da empresa que está fornecendo os novos equipamentos, é necessário um período para que o sistema seja calibrado. “Qualquer Sistema Adaptativo em Tempo Real necessita de dados de campo e análise de engenharia para poder preparar a base do algoritmo para o local”, detalha o diretor da empresa, Fábio Nobre. “Precisamos de uma janela de tempo suficiente para gerar dados precisos e com volume necessário para uma boa análise de tráfego, já que chuvas, acidentes, feriados e vários outros fatores interferem muito nesta análise”, concluiu.

Mais conteúdo sobre

Cidade