Casan responde notificação sobre vazamento de esgoto no rio do Brás

Problema ocorreu nos dias 29 e 31 de dezembro

A Aresc (Agência de Regulação de Serviços Públicos) recebeu na quarta-feira as explicações da Casan sobre o extravasamento de esgoto na EEE (estação elevatória de esgoto) rio do Brás, em Canasvieiras, no dia 29 de dezembro do ano passado, no qual a companhia foi notificada a prestar esclarecimentos.

Flávio Tin/ND

Estação do rio do Brás ajuda a levar esgoto para ser tratado

Nessa data, uma fiscalização emergencial da Aresc constatou que a elevatória rio do Brás e bocas de bueiro da região estavam com problemas de vazamento de esgoto bruto. Como também ocorreu extravasamento em 31 de dezembro, a Fatma também notificou a Casan, que enviou sua resposta ao órgão ambiental na segunda-feira.

A Casan apresentou documentação que detalha a operação da EEE rio do Brás. Técnicos da Fatma e da Aresc agora analisam os gráficos do sistema de telemetria da elevatória para concluírem o que de fato ocorreu.

Diferente do que afirmou o superintendente da Casan na região metropolitana de Florianópolis, Lucas Barros Arruda, que durante vistoria judicial disse ser impossível precisar a quantidade de esgoto que extravasou do local, a gerente de fiscalização da Aresc, engenheira Luiza Kaschny Borges, espera que nos dados da telemetria estejam contidas as informações sobre a quantidade de material extravasado.

Nesta sexta-feira (22), uma audiência na sede da Justiça Federal ouvirá testemunhas para concluir a juntada de provas na ação de atentado contra a Casan, instaurada com o objetivo de desobstruir imediatamente a foz do rio do Brás – o que ocorreu de forma natural na manhã de 15 de janeiro.

Essa ação será incluída na ação principal do MPF, que tem o objetivo de fazer com que a Casan solucione o problema de extravasamento de esgoto na ETE, assim como seja obrigada a apresentar cronograma de ações para a despoluição completa da faixa de praia e do mar naquela localidade, inclusive no que concerne à foz do Rio do Brás.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Notícias

Loading...