Casos de coronavírus triplicaram em Blumenau nos últimos 30 dias

Atualizado

O número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus em Blumenau praticamente triplicou nos últimos 30 dias. É o que mostram os dados da Secretaria Municipal de Promoção da Saúde.

De 25 de maio a 25 de junho, a quantidade de casos confirmados da Covid-19 na cidade passou de 644 para 1.853. Isso representa um aumento de 187,7%.

Novas medidas restritivas entraram em virgo nesta sexta (26) – Foto: Moises Stuker/NDTV

O avanço rápido da doença acendeu o sinal amarelo na prefeitura. Em uma transmissão ao vivo nas redes sociais, o prefeito Mário Hildebrandt chegou a comparar a situação atual da doença em Blumenau com um semáforo em modo intermitente: pode passar, mas é preciso atenção.

Nesta sexta-feira (26), novas determinações restritivas entraram em vigor no município. Entre elas, o fechamento de parques públicos, a proibição de idosos no transporte coletivo, a limitação de horários para comércios e o controle de pessoas por família dentro de supermercados.

As medidas foram pautadas principalmente na ocupação das UTIs de Blumenau – que nesta quinta-feira estava em 46,5% -. A chegada de 20 respiradores, na quarta-feira (24), para abrir leitos de terapia intensiva deu um alívio ao município e por isso as determinações não foram mais rigorosas, afirma o secretário de Promoção da Saúde Winnetou Krambeck.

Entretanto, a resposta da comunidade às recomendações de cuidado é que vai dizer se é preciso ser mais restritivo ou não. Multas para quem não usar máscaras, por exemplo, é uma possibilidade no radar da prefeitura caso não consiga conter a doença com as recentes determinações.

Momento exige mais cuidado

A infectologista do Hospital Santa Catarina de Blumenau, Fernanda Arns de Castro, é enfática ao pontuar que qualquer ação ou medida orientada por órgãos municipais e equipes médicas precisa da colaboração da população para que seja efetiva.

“Estamos passando pelo momento mais crítico desde o início da pandemia, por isso precisamos que os cuidados sejam maiores. Só conseguiremos passar por tudo isso se todos colaborarem”, afirma a médica.

Ela reitera a necessidade do distanciamento social e faz um alerta: festas, reuniões, aniversários, encontro entre amigos, viagem à casa de parentes não devem ser realizados neste momento.

“Se a população não fizer a parte dela, ficar em casa, lavar as mãos, usar máscaras, poderemos ter semanas desafiadoras pela frente. Se conseguirmos convencer a população a seguir as medidas de isolamento social, provavelmente conseguiremos voltar a ter a epidemia “sob controle” em 4 a 6 semanas”, afirma Fernanda.

Medidas só terão efeito se a comunidade acatar, aponta médica – Foto: HSC/Divulgação/ND

Os números atuais de Blumenau

Nesta quinta-feira (25), Blumenau chegou a 1.853 casos de Covid-19. Desse total,  981 são considerados recuperados. Outros 838 estão em isolamento domiciliar, 13 internados em UTI e 15 em enfermaria. A cidade contabiliza sete pessoas mortas em decorrência do novo coronavírus.

Atualmente, a cidade dispõe de 43 leitos de terapia intensiva voltados exclusivamente para casos de coronavírus. Com a chegada de mais respiradores, o número passará para 63 assim que a instalação dos equipamentos for concluída.

Mais conteúdo sobre

Saúde