CCJ convida jornalista Glenn Greenwald para falar sobre conversas divulgadas

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) aprovou, nesta quarta-feira (3), requerimento do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) para que o jornalista Glenn Greenwald, do The Intercept Brasil, seja convidado a comparecer a uma audiência pública.

Senadores querem que Glenn Greenwald preste esclarecimentos sobre as mensagens trocadas por Sergio Moro e força-tarefa da Lava Jato – Reprodução/ND

Os senadores querem que o jornalista — editor do site responsável pela divulgação das conversas envolvendo o ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro com procuradores pelo aplicativo Telegram — preste esclarecimentos sobre as mensagens trocadas enquanto ele atuava como juiz da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba.

A data da audiência ainda será agendada.

Leia também:

Política