Chapecoense confirma o desligamento do goleiro Ivan, investigado por violência doméstica

Atualizado

Goleiro Ivan já está de volta a Chapecó – Divulgação Chapecoense

A Chapecoense comunicou na tarde desta sexta-feira (15) o desligamento do goleiro Ivan, 34 anos, envolvido em um suposto caso de agressão a sua ex-namorada, no interior de Minas Gerais. O atleta deixa o clube após pouco mais de um ano onde tinha um vínculo até o final desta temporada.

>>> Goleiro Ivan retorna à Chapecó e ex-namorada nega agressões

Gilsivan Soares da Silva esteve reunido com a direção do clube ainda na quinta-feira e a medida inicial fora afastar o goleiro até a próxima segunda-feira. Há pouco, no entanto, a direção do clube foi sucinta a partir da seguinte nota:

A Associação Chapecoense de Futebol comunica, oficialmente, o desligamento do goleiro Ivan dos quadros do clube.

Mais conteúdo sobre

Futebol