Cinco detidos na Operação Chabu são liberados pela Polícia Federal

Atualizado

A Polícia Federal informou, no final da manhã desta quarta-feira (19), que foram liberados cinco detidos na Operação Chabu, deflagrada nessa terça-feira (18). A corporação afirmou que não irá divulgar os nomes.

Ao todo, sete pessoas foram conduzidas à superintendência da PF durante a ação, sendo seis conduzidas em Santa Catarina e uma em Porto Alegre (RS).

Operação Chabu foi deflagrada pela Polícia Federal nessa terça-feira (19) – Anderson Coelho/ND

Ainda conforme a Polícia Federal, cinco detidos foram colocados em liberdade logo após o interrogatório, “conforme autorização constante da decisão judicial que decretou a prisão temporária dos investigados”, já na noite de terça-feira.

O sexto detido passou a noite na PF em Florianópolis e será encaminhado ao sistema prisional de Santa Catarina nesta quarta-feira, ainda sob o mandado de prisão temporária. O sétimo permanece preso na PF em Porto Alegre.

Leia também:

Entre os liberados está o prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, que falou em coletiva de imprensa ainda na noite de terça, e também esteve na RICTV nesta quarta-feira para falar sobre o episódio, nos programas SC no Ar e Balanço Geral.

O ex-secretário de Estado da Casa Civil, Luciano Veloso Lima, também foi solto por volta das 21h dessa terça. Segundo o advogado advogado Rodrigo Rocha de Oliveira, o motivo seria que os policiais não viram relações entre as acusações e eventuais práticas de Lima.

Mais conteúdo sobre

Política