Conselho Federal de Odontologia pede informações sobre funcionário do CRO-SC

Pedido foi feito após órgão tomar conhecimento sobre denúncia protocolada no MPF

O CFO (Conselho Federal de Odontologia) solicitou informações sobre a contratação de um funcionário em cargo comissionado pelo CRO-SC (Conselho Regional de Odontologia). O pedido foi feito depois que uma denúncia de improbidade administrativa foi protocolada no MPF (Ministério Público Federal) para investigação do caso, às vésperas da eleição para a nova composição do plenário do CRO-SC.

O pedido assinado pelo presidente do CFO, Juliano do Vale, foi feito no dia 22 de novembro. No ofício, Vale cita a matéria do ND do dia 22 (“Denúncia esquenta eleição do CRO) e concede prazo de 15 dias para que o presidente CRO-SC, Murilo Rosa, forneça as seguintes informações: a forma de contratação, a jornada de trabalho, o controle de frequência e a remuneração de acordo com o cargo. De acordo com assessoria do CRO-SC, a última reunião da diretoria foi realizada dia 23, um dia após a data do ofício, e o documento inexistia, assim como o órgão ainda não foi notificado da denúncia feita junto ao MPF.

Procurado pela reportagem na época da denúncia, Rosa disse que a denúncia tinha motivação política “para causar impacto na eleição do conselho”. Na ocasião, o presidente explicou que o funcionário foi contratado pelo conhecimento em comunicação, sendo responsável pela implantação de dois sistemas digitais de comunicação interna e de campanhas de mídia social que totalizam 3,5 milhões de engajamentos.

Na eleição realizada no dia 23 de novembro de 2018 para a nova composição do plenário do CRO-SC, para o biênio 2019-2021, a chapa 1, liderada por Rosa, teve 3.867 votos, contra 3.026 votos da chapa 2, encabeçada por Alceu Martins. Os votos brancos e nulos foram 579. Como não foi atingido o quórum regimental, haverá segundo turno na quarta-feira (12).

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Notícias

Loading...