Conversa sobre coronavírus causa acidente aéreo que matou 97 pessoas. Entenda!

Pilotos simplesmente esqueceram de baixar o trem de pouso, causando o acidente fatal, conforme relatório divulgado neste domingo

A queda do avião que matou 97 pessoas em maio último, no Paquistão, foi causada por falha humana. No entanto, o mais surpreendente é que o relatório preliminar da investigação indica que o motivo foi distração em razão de um diálogo sobre coronavírus.

De acordo com as gravações na caixa-preta, piloto de copiloto conversavam sobre a pandemia momentos antes da aterrisagem. Eles simplesmente esqueceram de baixar o trem o trem de pouso, causando o acidente com o Airbus A320 da Pakistan International Airlines.

Acidente no Paquistão causou 97 mortes – Foto: ReproduçãoAcidente no Paquistão causou 97 mortes – Foto: Reprodução

“O piloto e o copiloto conversavam sobre coronavírus, o que os tirou o foco da aterrisagem. As suas famílias haviam sido afetadas pela Covid-19 e eles falavam sobre isso”. Embora preliminar, é o que consta no relatório.

Leia também

Empresário morre em acidente que partiu carro ao meio

Caso Helloyse: uma família marcada pela tragédia

A aeronave havia feito uma tentativa de aterrisagem. Na ocasião o trem de pouso foi ativado normalmente. No entanto, tiveram que arremeter. Nesse processo, o trem de pouso foi recolhido, mas não utilizado na segunda aterrisagem. O acidente ocorreu no Aeroporto Internacional de Karachi.

A informação foi divulgada no site Flight Global. Os peritos não constataram defeito no trem de pouco, conforme o mesmo relatório preliminar. “O pouso foi feito com o equipamento retraído e a aeronave tocou o solo com os motores”.

+ Notícias