Coronavírus: Restaurantes de Joinville adotam precauções, mas atendimento está mantido

Atualizado

A pandemia de coronavírus mobiliza a sociedade a adequar os serviços e atividades de atendimento à população. Em Joinville, no Norte do Estado, proprietários de restaurantes se reuniram na noite de segunda-feira (16) para definir ações e medidas de prevenção ao Covid-19.

A partir desta terça-feira (17), os 25 restaurantes integrantes da Câmara de Gastronomia da CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) passam a adotar as medidas definidas durante a reunião. As mesas serão afastadas, ambientes fechados passam a ter mais ventilação, ambientes alternativos ao ar livre devem ser implementados, além de cuidados com a higiene de mesas, talheres, louças, guardanapeiros e banheiros redobrados.

As mesmas ações serão tomadas com os uniformes de funcionários. Além disso, os restaurantes devem disponibilizar álcool gel para os clientes.

Outra estratégia adotada para manter o atendimento e as vendas, garantindo o faturamento é o foco no delivery. Entre as ações para impulsionar as vendas para entrega, restaurantes devem abrir essa opção para o almoço, implementação do Ifood para os que ainda não o utilizam e promoções exclusivas para quem pede para entrega.

Além disso, os restaurantes devem ampliar as opções para pedidos de delivery, como telefone, Whatsapp e aplicativos específicos como Ifood e Uber Eats.

Leia também:

Coronavírus: se apresentar sintomas, usuários da saúde receberá máscaras em Joinville

Mais conteúdo sobre

#NDtacomvc