Corpo de estudante desaparecido no Rio Uruguai é encontrado no Rio Grande do Sul

Atualizado

O corpo do rapaz, de 19 anos, que estava desaparecido após o naufrágio de um barco, na travessia do rio Uruguai, foi encontrado na manhã deste sábado (9), no município de Barra do Guarita, no Rio Grande do Sul. A embarcação partiu de Itapiranga na última quarta-feira (6), no Extremo Oeste catarinense, com destino à Barra do Guarita, mas virou no caminho.

Andrei Franchini foi a única vítima que não conseguiu ser resgatada no momento do naufrágio. Todos os outros 13 passageiros e o motorista do barco sobreviveram.  Eles conseguiram nadar até as margens do rio e foram atendidos pelo Corpo de Bombeiros Militar de Itapiranga, sem ferimentos graves.

Corpo foi encontrado a 1,5 quilômetro do local onde ocorreu o naufrágio – Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação/ND

O corpo de Bombeiros de Itapiranga foi acionado por ribeirinhos, que avistaram o corpo boiando no Rio Uruguai, próximo ao Porto do Paier, e o colocaram sobre uma embarcação de madeira. A região fica em torno de 1,5 quilômetro do local onde ocorreu o naufrágio.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o corpo do jovem foi entregue aos cuidados da Polícia Civil, que o encaminhou à cidade de Três Passos, também no Estado gaúcho.

Leia também:

Distância entre o naufrágio e o local onde a vítima foi encontrada – Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação/ND

Três dias de buscas

As buscas começaram na madrugada de quinta-feira (7). Elas envolveram bombeiros de Três Passos (RS), um jet-ski e um helicóptero da Polícia Civil de Chapecó. Uma equipe da Marinha Mercante também atuou nas buscas.

O estudante era natural da cidade de Vista Gaúcha, no Rio Grande do Sul. Franchini estudava na UCEFF (Unidade Central de Educação da Faem Faculdade), no Oeste de Santa Catarina, e estava no 6º período de Agronomia.

Andrei estudava Agronomia em faculdade do Oeste catarinense – Foto: Arquivo pessoal/ND

Mais conteúdo sobre

Geral