Dez anos depois de ficar famoso, ‘bebê fumante’ revela que parou de fumar

Atualizado

Uma década após ficar famoso por aparecer fumando um cigarro, o “bebê fumante”, que hoje tem 12 anos, revelou que parou de fumar apresentou boa saúde no palco do programa Domingo Show, da Record TV, neste domingo (30). Exames mostram que o pulmão de Aldi Rizal, que é natural da Indonésia, está limpo.

Domingo Show foi ao ar no dia 30 de junho – Reprodução/Record TV

O menino relatou, em entrevista a Geraldo Luís, que começou a fumar com dois ou três anos e não se recorda do momento exato em que largou o vício. Ele disse não culpar ninguém e que costumava pedir ajuda aos irmãos mais velhos para fumar.

A mãe, que ficou ao lado de Aldi durante toda a entrevista, diz que temeu pela vida do filho. “Quando as pessoas ofereciam alguma ajuda para ele parar de fumar, eu aceitava. Eu não queria que ele morresse”, afirmou a mãe.

Leia também:

Aldi relatou que não se incomoda com o cheiro da fumaça do cigarro ou quando vê alguém fumando. “Eu fico imaginando quando eu fumava, mas já não gosto mais”, afirmou.

Exames mostram que o pulmão de Aldi Rizal está limpo – Reprodução/R7

Tratamento

O garoto passou por um tratamento que o fez largar o cigarro aos poucos. Segundo ele, ele primeiro recebia um fósforo e um cigarro, depois somente um fósforo, e, por último, um fósforo e um cigarro com uma pomada por cima. “Foi isso que me ajudou”, disse Aldi.

De acordo com um dos monitores que acompanharam Aldi durante o tratamento, os potenciais da criança começaram a ser aflorados depois que um vínculo foi estabelecido. “A partir daí, eu comecei a dizer para Aldi o quanto o cigarro era ruim, que podia deixá-lo doente, tossindo e que isso acontecia com adultos que fumavam também”, relatou o monitor. Ele se refere a Aldi como um menino brilhante e criativo.

Visita ao Brasil

Aldi Rizal subiu ao palco do Domingo Show acompanhado da mãe e de um tradutor. Ele viu o mar pela primeira vez em passagem pelo Rio de Janeiro e se encontrou com a repórter da Record Catarina Hong, que, há dez anos, fez uma reportagem sobre o “bebê fumante”.

Aldi Rizal ficou famoso por aparecer fumando cigarro – Reprodução/R7

Mais conteúdo sobre

Geral