Dezenas de pessoas invadem a Área 51 para “ver Ets” nos Estados Unidos

Dezenas de pessoas se reuniram na madrugada desta sexta-feira (20) no estado rural norte-americano de Nevada para uma espécie de peregrinação à instalação conhecida como Área 51, uma base militar conhecida pelos rumores de abrigar os maiores segredos sobre contatos com alienígenas que já tivemos.

Manifestantes protestaram até mesmo contra o governo e pediram liberdade para os alienígenas – Elias Sch/Pixabay/ND

“Fãs” de extraterrestres e teorias da conspiração responderam a um convite para uma “invasão da Área 51” feito de brincadeira pelas redes sociais.

Em junho, o universitário Matty Roberts, da Califórnia, publicou um convite no Facebook chamando o público em geral a seguir até a Área 51 a pé ‘para ver os alienígenas’.

Leia também:

Brincadeira ou não, o convite deu certo. O movimento na auto-estrada 375 em direção à pequena cidade de Rachel, onde está localizada a base militar, aumentou durante essa semana e especialmente na quinta-feira (19).

Situado cerca de 240 quilômetros ao norte de Las Vegas, o povoado remoto de moradores da região não tem sequer um mercadinho ou um posto de gasolina, mas conta até com estacionamento para discos voadores.

As Forças Armadas dos EUA aumentaram a segurança da Área 51 após a convocação para a invasão, que foi desfeita pelo organizador dada a resposta exagerada dos fãs de ets e naves alienígenas.

Mesmo com a convocação para “invadir a área 51” desfeita, durante a noite dezenas de pessoas se reuniram junto à cerca da base militar.

As pessoas que resolveram comparecer no local hastearam “bandeiras alienígenas” e muitos dos “invasores” da Área 51 chegaram no local a caráter, seja como astronauta ou alienígena.

Houve até quem transformasse o momento em protesto contra o governo. Um protesto, claro, a favor da libertação dos extraterrestres presos pelo governo dos Estados Unidos na Área 51.

E mesmo que a convocação para a invasão tenha sido desfeita, os “invasores” cumpriram até mesmo a promessa feita pelas redes de fazer a “corrida Naruto” — uma referência ao famoso personagem de mangás — em direção à cerca da Área 51, onde estão desde então.

Mundo