Dinheiro achado em gabinete de vice-prefeito era de contribuição partidária, diz defesa

A defesa do vice-prefeito de São Bento do Sul afirmou que o dinheiro encontrado no gabinete de Márcio Dreveck (PP) seria referente ao pagamento de uma contribuição partidária que os comissionados concordaram em dar ao partido.

Márcio Dreveck – Divulgação/ND

Segundo o advogado de defesa do vice-prefeito, Manolo Del Emo, o pagamento era referente a contribuições que estavam atrasadas, por isso a grande quantia. “Até onde sabemos, esse valor é de contribuição espontânea para o partido e não está relacionado a qualquer ato ilícito”.

Ainda de acordo com o advogado, a defesa ainda não teve acesso à investigação, e ainda hoje irá se reunir com o vice-prefeito para solicitar a revogação da prisão preventiva.

Leia também:

O vice-prefeito de São Bento do Sul é acusado de ter recebido parte do salário de servidores comissionados da prefeitura. A prisão aconteceu por volta das 14h na sede da prefeitura. Durante as buscas, foram encontrados no gabinete R$ 1.700. Dreveck continua detido no presídio de Mafra.

Segundo a Polícia Civil, a ação faz parte de um investigação iniciada há quatro meses. De acordo com o delegado Gustavo Siqueira, os servidores suspeitos de envolvimento no caso serão ouvidos esta semana.

Prefeitura se manisfesta sobre prisão

A Prefeitura Municipal de São Bento do Sul emitiu uma nota nesta terça-feira (2) a respeito da prisão preventiva do vice-prefeito do município Márcio Dreveck (PP).

Segundo o comunicado, Dreveck não ocupava nenhum cargo na prefeitura, sendo sua única função substituir o atual prefeito em casos de férias ou afastamentos.

Além disso, a prefeitura afirma que não tolerará condutas que “comprometam a ética e o compromisso da gestão em promover um trabalho de qualidade e pautado na eficiência, transparência e zelo com as pessoas e com o dinheiro público”.

De acordo com o procurador do município, Giancarlo Grossi, a prefeitura está acompanhando de perto as investigações e irá colaborar no que for preciso para as investigações.

Prisão aconteceu no gabinete do prefeito durante a tarde – Foto: Luan Vosnhak

Mais conteúdo sobre

Política