Duas pessoas são mortas em menos de seis horas em Rio Negrinho

Atualizado

Em menos de seis horas, dois homens foram assassinados entre a noite de segunda-feira (4) e a madrugada de terça-feira (5), em Rio Negrinho, no Planalto Norte do Estado. Os suspeitos nos crimes foram presos em flagrante.

Homem foi morto após ser agredido com uma pedra – Foto: Polícia Militar/Divulgação

O primeiro caso ocorreu por volta das 19h. De acordo com a Polícia Militar, um morador de rua morreu após ser agredido com uma pedra no Pavilhão dos Imigrantes.

No local, a polícia encontrou a vítima, que não foi identificada, com marcas da agressão e já sem vida. Após buscas na região, o suspeito pelo crime foi encontrado na rua Jorge Lacerda.

Apesar de negar a autoria durante a abordagem, segundo a polícia, o suspeito apresentava marcas de sangue nas pernas. Além disso, testemunhas o reconheceram como o autor das agressões.

Após a prisão em flagrante, ele foi levado à Delegacia de Polícia, onde deve responder por homicídio. De acordo com a PM, ele já possuía 68 passagens criminais.

João Lino Anton foi assassinado em Rio Negrinho – Foto: Redes Sociais

Após briga de bar, homem é morto com golpes de tijolo

Já durante a madrugada desta terça-feira, um homem foi morto com golpes de tijolo no bairro São Rafael, também em Rio Negrinho. De acordo com testemunhas, uma briga de bar teria motivado o crime.

Segundo a PM, João Lino Anton foi atingido na cabeça com um tijolo. O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

A PM, então, fez rondas na região e prendeu o suspeito em flagrante. Durante a abordagem, testemunhas confirmaram que ele seria o autor do crime. Ainda de acordo com a polícia, o homem já tinha diversas passagens criminais.

Homem foi morto após briga de bar – Foto: Polícia Militar/Divulgação

Leia também:

Polícia