“É como se tivessem evaporado”, afirma 2º tenente da PM sobre roubo em Vidal Ramos

Atualizado

Os homens que assaltaram dois bancos em Vidal Ramos, no Alto Vale do Itajaí, continuam foragidos. No entanto, a Polícia Militar suspeita que quatro elementos tenham participado dos assaltos.

. – Foto: Internet/ND

De acordo com o 2º tenente da PM, Arno Senem, os assaltantes ainda não foram identificados. As imagens das câmeras de segurança dos bancos são inconclusivas, uma vez que os assaltantes estavam todos com os rostos cobertos, apenas com os olhos de fora.

Leia também:

Senem ainda afirmou que o roubo foi muito bem planejado e que os assaltantes conheciam muito bem a região. Por ser uma região ingrime e com muitos morros, existem diversos acessos que foram muito bem utilizados pelos suspeitos.

“É como se eles tivessem evaporado. Perguntamos para moradores e pessoas da região e ninguém viu eles, nem sinal”, afirmou o 2º tenente.

A PM ainda afirmou que as primeiras 24 horas após a ocorrência são determinantes para as buscas. Entretanto, como não foi possível localizar os suspeitos, as investigações agora devem ficar à cargo da Polícia Civil.

As buscas e o cerco em toda a região seguem. A PM pede para que qualquer informação dos suspeitos seja imediatamente repassada para a polícia.

Polícia