Empresa Glória já tem novos donos

Mas o que chama a atenção na negociação da maior empresa de ônibus da cidade é a desinformação do Seterb

 FURO CONFIRMADO

A informação,  dada em primeira mão pelo Tonet na quarta-feira,  se confirmou. A empresa Glória, a principal do transporte coletivo de Blumenau, está sendo vendida para um grupo mineiro.

BURACO

Com muitas dívidas, a Glória caminhava para a insolvência. Os números da dívida assustava os proprietários e afugentava os interessados. Mas o potencial do negócio é grande, tanto que trouxe gente de fora para a cidade.

SIGILO

O assunto está sendo tratado a sete chaves, normal em negociações deste tipo. O Prefeito Napoleão Bernardes (PSDB) teria conversado com o Humberto Sackl, proprietário da Glória, que explicou por cima o negócio.

CONFIRMAÇÃO

Conversei com o Betinho faz pouco. Ele foi monossilábico e se aproveitou da porcaria da nossa telefonia móvel para falar pouco. Confirmou a negociação e disse que desde o dia 1º o grupo do investidor José Eustáquio já controla a empresa.

MENOS

A palavra oficial da Prefeitura e do Betinho é que nada muda por conta desta negociação. Balela. Se nada mudasse, não teria negociação.

PARECE O LULA

Interessante a desinformação do presidente do Seterb, Sérgio Chisté. Conversei com ele na quarta-feira passada e hoje foi a vez a repórter Danubia de Souza. Nas duas oportunidades ele afirmou desconhecer a negociação.

PERDIDO

Fico pensando. Se o Seterb, que é o poder concedente, não sabe os termos da negociação, o que sobra para a população?

NEGÓCIO PÚBLICO

O transporte coletivo é um dos serviços públicos com maior impacto na população. É feito pela iniciativa privada, mas é responsabilidade do agente público. Portanto é importante a transparência.