Estado avalia temporada com os prefeitos

Secretário Filipe Mello comanda o encontro nesta quarta-feira à tarde, que já deve antecipar melhorias para a temporada 2016/2017

Prefeitos das principais cidades turísticas catarinenses têm reunião agendada para esta quarta, 27, às 14h, com o secretário de Estado do Turismo, Esporte e Cultura, Filipe Mello. A ideia do encontro é promover uma avaliação da temporada até aqui, já projetando melhorias para o próximo período de férias (2016/2017). “É claro que colocaremos a questão da balneabilidade em pauta, embora esse não seja um assunto da nossa secretaria, mas atribuição das prefeituras e da Casan ou serviços municipais de água e esgoto. Trata-se de um problema que precisa ser enfrentado e resolvido, para que o nosso turismo continue tendo a qualidade que sempre teve”, observou-me ontem à noite o secretário. Conforme Filipe Mello, “a SOL quer buscar soluções conjuntas com as prefeituras, não só para o mês de fevereiro, mas também para a próxima temporada. Nosso propósito é atuar com planejamento e organização”. Estão confirmadas as presenças dos prefeitos de Florianópolis, Cesar Souza Júnior; de Palhoça, Camilo Martins; de Laguna, Everaldo dos Santos; de Governador Celso Ramos, Juliano Duarte Campos; de Porto Belo, Evaldo Guerreiro; de Bombinhas, Ana Paula Silva (Paulinha); de Itapema, Rodrigo Costa (Bolinha); e de Balneário Camboriú, Edson Renato Dias (Piriquito). “Devem vir prefeitos de outros municípios, mas esses são os que garantiram presença até terça, 26”, finalizou o secretário.

Bem imóvel

“Em São Paulo, carro paga IPTU como bem imóvel!”. José Simão, no Twitter (@jose_simao). Não é só lá, não é só lá.

Redução de custos

A Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) está mais uma vez em Florianópolis para ajudar na melhoria do sistema público de saúde da Capital. As equipes da Secretaria de Saúde participam de um seminário intenso, de dois dias, em que está sendo criado um sistema de controle de custos que vai ajudar a gerar economia aos cofres públicos. A parceria é inédita no Brasil e vai gerar um instrumento piloto para controle de custos na saúde.

Prefeitura…

Recebi da prefeitura de Florianópolis os seguintes esclarecimentos, relativos a nota publicada na coluna de ontem: “A prefeitura informa que todos os projetos de obras viárias iniciadas na atual administração contam com ciclovia ou ciclofaixa, diferente do que acontecia no passado. Alguns exemplos: Rua Deputado Antônio Edu Vieira (Pantanal) – 2,7 quilômetros;  Rua Padre Rohr (Santo Antônio de Lisboa) – 2,3 quilômetros; Rua Jorge Lacerda (Costeira) – 3,4 quilômetros; Avenida Ivo Silveira (Estreito) – 2,7 quilômetros”.

…esclarece

Finaliza a nota enviada pela prefeitura: “O prefeito Cesar Souza Junior lamenta profundamente a mais recente tragédia na SC-401, rodovia estadual que está inserida na malha urbana da cidade, com a morte da auxiliar de cozinha Simoni Bridi, e confia no trabalho da polícia no sentido de identificar o responsável pelo atropelamento e levá-lo à Justiça”.

Custo alto

O governador Raimundo Colombo revelou ontem que cada menor infrator custa R$ 13 mil por mês para o Estado. Um custo altíssimo que nos faz refletir: não é melhor investir mais em educação e qualificação para o trabalho? Crianças e adolescentes carecem de políticas públicas, como previsto pelo ECA, não só em Santa Catarina. O problema é nacional.

Caso complexo

Alguns operadores do direito entendem que chamar de “assassino” um motorista que atropela e mata um ciclista é uma qualificação arriscada, porque é necessário entender todas as circunstâncias que envolvem fatos do gênero. A questão foi levantada, de forma mais abrangente, pelo professor Sandro Sell, em sua página no Facebook, ganhando 19 compartilhamentos e 251 curtidas.

Casaco de pele

Um dos comentaristas, Leo Luciano, assinalou na página do professor Sandro Sell: “Quanto mais pessoas andarem de bike também aumenta número de vítimas. Os carros que não param de procriar. As cidades são feitas para carros e não para os homens. Quem sabe um dia a coisa muda e passa a ser comum andar de bike. Andar de carro será como usar casaco de pele de animal”.

Mais esgoto

Leitora Hilnora Ferreira pede atenção das autoridades para que observem o riacho que passa junto à Rua Dante de Pata, Ingleses, imediações do número 368. “Ele está abandonado e precisando de limpeza, pois quando chove transborda. O mau cheiro em dias de calor fica insuportável, pois desembocam dois canos que devem ser de esgoto nesse rio. Faz anos que reclamos e nada é feito. Os mosquitos fazem a festa, e se houver surto de dengue os gastos vão ser muito maiores”.

Carlos Damião

Ponte na…

Marcada para 7 de fevereiro a apresentação da planilha de custos da empresa Empa, com todos detalhes relativos à fase final das obras da Ponte Hercílio Luz. Ainda na primeira quinzena o governo do Estado deve assinar o contrato com a empreiteira. O anúncio foi feito ontem pelo governador Raimundo Colombo, durante encontro com jornalistas dos principais veículos de comunicação do Estado.

… reta final

Colombo explicou que a planilha estará disponível para consulta pública e será conhecida pelos principais órgãos públicos e entidades sindicais e profissionais da engenharia. A imagem que a coluna publica hoje foi registrada no sábado, dia 23, já com a segunda treliça de sustentação colocada.

Divulgação Ricardo Pereira/ND

Contra o racismo

Comissão de Igualdade Racial da OAB/SC, com os presidentes da FCF, Delfim de Pádua Peixoto, e da Associação de Clubes, Nilton Macedo, após o lançamento do Campeonato Catarinense de Futebol e da Campanha contra o Racismo, idealizada pela entidade com criação da Quadra Comunicação.

Loading...