“Eu me sinto exausta emocionalmente e fisicamente”, diz modelo que acusa Neymar de estupro

Atualizado

Em entrevista exclusiva à Record TV na manhã desta quinta-feira (6),a modelo Najila Trindade, de 26 anos, disse que está recebendo ameaças, tanto de advogados quanto de pessoas “poderosas”, após acusar o jogador de abuso sexual e agressão física. “Eu me sinto exausta emocionalmente e fisicamente”, afirmou Najila.

Najila Trindade em entrevista exclusiva após prestar depoimento – Reprodução/TV Record

Segundo a jovem, o crime ocorreu no dia 15 de maio, durante uma viagem da jovem a Paris, custeada pelo jogador. Os dois se conheceram por uma rede social. Najila estava hospedada na capital francesa quando recebeu a visita de Neymar.

Leia também:

Questionada sobre o que teria ocorrido após encontrar o atacante em Paris, a jovem afirma que foi violentada e agredida fisicamente. “Em outro momento falarei sobre como aconteceu a agressão, ainda é muito difícil falar sobre isso”, declarou a jovem logo após prestar depoimento à Justiça.

“Viajei com intuito de me envolver sexualmente com o jogador, mas acabamos nessa tragédia”, afirmou. A modelo também nega que tenha pedido para o antigo advogado tentar alguma espécie de acordo, conforme divulgado pelo pai do jogador. “A única coisa que pedi foi por justiça”, declarou.

Vídeo teria sido gravado após o primeiro encontro. – Reprodução

O ex-advogado de Najila depõe na manhã desta quinta-feira, em São Paulo, e disse que falará com a imprensa após o depoimento. Ele foi o primeiro advogado da modelo e acabou rompendo o contrato, pois, segundo ele, Nadja teria modificado a versão dos fatos. Neymar deve depor na sexta-feira (7), no Rio de Janeiro.

Polícia